O que visitar em Capri em dois dias?

Se tem um lugar que você precisa conhecer, esse lugar é Capri!

0 130

O que fazer em Capri em dois dias?

Capri é, principalmente, para os amantes de praias. A pequena ilha no sul italiano atrai diversos de turistas todos os anos e é impossível não querer voltar lá numa próxima oportunidade.

Capri, hoje elegante e luxuosa, destino de muitos VIPS, já foi uma vila de pescadores. No século XIX, ingleses e alemães se apaixonaram pela ilha e começaram a frequentá-la; a notícia da beleza do local atraiu mais pessoas e os pescadores viram ai a oportunidade turística que o lugar poderia oferecer. Conclusão: eles começaram a alugar barcos para passeios ao redor da ilha e o turismo começou a crescer com construção de hotéis, restaurantes e lojas.  Ah, a cidade também já foi residência de verão de Tibério, filho do imperador Augusto; a mansão utilizada por ele, hoje é apenas ruínas.


VAMOS CONHECER CAPRI?

Fonte: Sky Shepherd München


O cheiro de Capri é outra coisa MUITO característica da ilha! É um cheiro único que, conta a lenda, foi ‘causado’ por um padre. Em 1308, ele colheu flores no jardim, mas as esqueceu na água; quando foi jogar fora, o perfume das flores exalou e dominou a ilha.


Faça da sua viagem para Itália uma experiência única! Conheça os meus e-books com dicas exclusivas de quem conhece o melhor da Itália!


A casa de perfumes Carthusia reproduz o aroma até hoje e os frascos custam entre 40 e 90 euros; se quiser conhecer mais sobre os perfumes, acesse o site oficial da loja. O cheiro mescla flores, cravos, limão e laranja e todos os comércios da ilha usam o mesmo aroma em suas lojas. No entanto, o cheiro predominante: é o de limão siciliano!  


Recomendo a leitura:

Como ir em Capri a partir de Roma?


Os pontos principais da cidade são as grutas que circundam a ilha.  Para chegar até lá, óbvio, só de barco (se tiver alguns euros ‘sobrando’, é possível também ir de helicóptero!).

Pode-se chegar até lá saindo de Nápoles, Sorrento, Positano ou Ischia. Saindo de Nápoles, o custo de ida e volta é de, aproximadamente, 40 euros por pessoa.

Há dois portos em Nápoles para seu embarque:

  • Calata Porta di Massa: a viagem dura cerca de 1h 20.
  • Molo Beverello: tempo de viagem aproximado, 50 minutos.
  • Na volta, compre a passagem na Marina Grande, no porto de Capri. Não há necessidade de comprar os tickets com antecedência; neste link é possível conferir os horários e portos de saída.
  • A frequência de saída é de, aproximadamente, vinte minutos.

Vamos começar a visita! Chegando à Marina Grande, você pode ‘subir’ para a cidade de diversas maneiras:

  • de teleférico (a vista é MAGNÍFICA!),
  • a pé (vá com calçados confortáveis!),
  • de táxi (somente se estiver com malas!)
  • ou de ônibus (passa pela ilha inteira – incluindo Anacapri – e a frequência é a cada 20 minutos! A vista também é impressionante!).
  • Para explorar a cidade, faça tudo a pé. As distâncias são curtas e a caminhada vale muito a pena!
  • Para se locomover pelos arredores da ilha para ver grutas, praias paradisíacas e aproveitar a praia, vá de barco! É a melhor opção e o passeio vale muito a pena!

DICA: Vá com sua máquina fotográfica e celular carregados! Cada canto daquele lugar merece uma foto e é impossível não ficar babando pelas vistas DIVINAS que a cidade nos oferece!

O QUE VER EM CAPRI?

Como já dissemos, as principais atrações ficam no mar! As grutas são belíssimas e um tour de duas horas custa, em média, 20 euros por pessoa (OBS: para entrar em determinadas grutas, paga-se a parte! É normal, ok?! Não ache que o marinheiro está te enrolando! Hahahaha… Ah: é opcional! 😉 Se não quiser, é só não pagar!). O barco passa pelos seguintes pontos:

·       Gruta Azul: É, na verdade, um conjuntinho de grutas. As grutas naturais têm 60 metros de comprimento e 25 de largura e, de barco, você passeia entre elas. Na entrada fica tudo meio escuro, mas conforme o barco avança e você vê a luz do sol entrando pelas frestas, o mar vai ganhando reflexos brilhantes encantadores. Para entrar na gruta o valor é de 14 euros. Como o que é bom, dura pouco: o passeio ali dura somente cinco minutos!


Se você deseja viajar para a Itália, siga o canal Viajado Para Itália no YouTube e descubra as melhores dicas para sua viagem ser inesquecível.

·       Os Faraglioni Di Capri: são três rochas no mar que ficam bem perto da costa. O curioso é que cada um tem um nome: mais próximo da ilha se chama Stella; já o do meio é o Faraglione di Mezzo e o mais afastado é o Faraglione di Fuori. Eles têm, mais ou menos, 100 metros de altura e o Fariglione di Mezzo tem uma espécie de arco no meio. DICA: para fazer uma foto SENSACIONAL aproveite o barco, que se aproxima deles, ou vá até os Jardins de Augusto. (depois mostra a foto pra gente, ok?!)

·    Marina Grande: praias excelentes. Se quiser pegar uma praia, seu lugar é aqui! O mar é calmo, transparente e refrescante!

·       La Piazzeta di Capri – Piazza Umberto I: é o ponto final do teleférico (pode ir a pé também!). Fica no topo da cidade e é encantadora. Local ideal para almoçar! Os restaurantes são lindos e as mesinhas do lado de fora nos convidam a parar, pelo menos, para tomar um café! É onde ficam também algumas lojas (belíssimas!).

·       Via Caramelle: se você quer ver luxo: seu lugar é aqui! Cheia de glamour, é local favorito dos VIPS. No começo da rua ficam as lojas cheias de esplendor; conforme se avança, encontram-se restaurantes exclusivos e, mais pra frente, no final da rua, ficam as mansões monumentais.

·       Jardins de Augustus: É, na minha humilde opinião, o lugar mais lindo da ilha! Custa dois euros para entrar e, além dos jardins, tem uma vista ÚNICA! De lá é possível ver os Faraglioni e a Via Krupp, que fica na Marina Piccola.

·       Via Krupp: uma singela ‘homenagem’ à Friedrich Alfred Krupp, que era apaixonado pela ilha e passava as férias ali. A rua foi uma ‘encomenda’ ao engenheiro Emilio Mayer. Ele queria que a rua o levasse até os Jardins de Augustus, mas achava complicado o caminho sem pavimentação. Assim, o engenheiro ‘cortou’ as rochas que ficavam no meio do caminho e conseguiu tirar uma diferença de 100 metros que havia ali, fazendo com a magnifica rua em zig zag fosse considerada uma das mais bonitas do mundo. Infelizmente, hoje, o acesso à essa rua não é permitido, mas ela é visível aos visitantes.

·       Arco Naturale: é um arco natural de que fica a 18 metros acima do nível do mar. A estrutura é só uma parte de uma cavidade subterrânea que submergiu há milhares de anos. Hoje é um tipo de ponte natural que oferece uma visão mágica para o mar brilhante de Capri.


PASSEIOS EM GRUPO EM LÍNGUA PORTUGUESA NAS PRINCIPAIS CIDADES ITALIANAS? RESERVE AGORA CLICANDO AQUI!


Vai ficar em Capri mais de dois dias? 

ÓTIMO! Vá para o outro lado da ilha, Anacapri! É tão linda quanto Capri e, se possível, merece uma visita! Para chegar até Anacapri, pegue o ônibus em Capri e, quando em Anacapri, desça na Piazza della Vittoria; na volta, pegue o mesmo ônibus na Piazza della Pace. Como é ponto final, o ônibus sai vazio!

Os pontos principais em Anacapri são:

·       Belvedere: um dos lugares mais LINDOS de Capri. O Belvedere fica na estrada, numa caminhada na descida de 5 minutos. É grátis e a vista é de deixar qualquer um boquiaberto!

·       Monte Solaro: o ponto mais alto da ilha, com seus 589 metros acima do nível do mar, apresenta uma vista panorâmica de TODA a ilha de Capri além do Vesúvio, do Golfo de Nápoles, de toda a península de Sorrento, das montanhas calabresas, parte dos Apeninos e da Costa Amalfitana. Para ir até lá, pegue o teleférico na Piazza della Vittoria. Custa 10 euros por pessoa, (ida e volta) ou 8 euros somente ida; pra voltar é possível descer a pé. A subida dura, aproximadamente, 10 minutos.

·       Villa San Michele: projeto todo de Axel Munthe, que era um médico e escritor sueco, e chegou a Capri em 1885. Ele construiu sua casa nos restos da antiga capela de San Michele e, por isso, o local recebeu este nome.

·       Casa Rossa: toda vermelha por fora, mistura diversos estilos arquitetônicos e possui uma exposição permanente sobre Capri nos séculos XIX e XX.

·       Igreja De San Michele: uma igreja barroca do século XVIII. A principal atração da igreja são a cruz grega e um belíssimo mosaico no chão de Adão e Eva no Paraíso, de 1761. 

·       Igreja de Santa Sofia: construída em 1510, fica já no fim da Via G. Orlandi. A rua começa, também, na Piazza della Vittoria e, sem querer, acaba passando por todas as atrações principais de Anacapri.

CONCLUSÕES

O ideal é conhecer Capri (e Anacapri) com certo tempo, mas se o tempo é curto, vale a visita do mesmo jeito: um lugar mágico, com aromas únicos e paisagens paradisíacas!


Guia Sua Viagem Para a Italia Gratuito Viajando Para Italia


Não deixe de ler:

Como Chegar na Itália?


Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália

Seguro Viagem Para Italia Viajando Para Italia Aluguel de Carro na Italia Viajando Para Italia Onde Ficar na Italia Viajando Para Italia
O Seguro Viagem é obrigatório e mais barato do que você imagina. Ainda mais com nosso bônus. Quer viajar pela Itália de carro mas não sabe onde alugar um? Nós temos a solução para seu problema. Garanta sua hospedagem em site confiável e renomado, sem sustos em sua viagem.

 

   Mala Levar Vinho da Italia para Brasil Viajando para Italia Consultoria Para Viagem Para Italia Viajando para Italia
Passeios em Grupo em toda a Itália e com Compra de Bilhetes antecipada economizando tempo e dinheiro. Que tal uma mala para você levar os melhores vinhos italianos para sua casa no Brasil? Conheça mais essa facilidade. A sua Viagem dos Sonhos para a Itália pede um serviço diferenciado, com excelência e dentro do seu orçamento.

Os Melhores Conteúdos do Viajando Para Itália

  1. Qual é o gasto médio em um dia na Itália?
  2. O que visitar na Itália em 10 dias?
  3. Os dez lugares imperdíveis da Toscana?
  4. As melhores dicas para economizar na sua viagem para Itália?
  5. Aeroportos da Itália? Como chegar no teu hotel? Veneza, Milão, Roma, Florença? Saiba como agora!
  6. O que fazer em 1, 2, 3 ou 4 dias nas principais cidades italianas? Conheça itinerários em cada cidade que você vai visitar!
  7. As melhores dicas sobre alimentação na Itália? Vinho? Comida típica em cada lugar?Economizar? Roteiros de enogastronomia? Descubra tudo!
  8. Viagem de carro na Itália: Exemplos de roteiros nas principais regiões italianas!
  9. Quais são os principais monumentos turísticos na Itália? Quais são os monumentos imperdíveis e que você deve colocar no teu roteiro?
  10. Qual é a melhor época para ir para Itália? O melhor período? O clima na Itália?
  11. Saiba tudo sobre o Transporte na Itália? Trem? Carro? Como se deslocar? Comprar passagem de trem? Metro?
  12. Os melhores exemplos de roteiros turísticos na Itália? Monte o seu roteiro seguindo os meus conselhos!

Grande abraço da Itália,

Ana Patricia

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

BAIXE AGORA MESMO O

E-BOOK GRÁTIS!