Como levar remédios em sua viagem para Itália?

Para evitar problemas tanto no embarque quanto no desembarque, vamos dar duas dicas bem simples e importantes, logo de cara, que podem te ajudar na hora de montar seu ‘kit de primeiros socorros! Vamos aprender?

4 3.258

Como levar remédios na bagagem para Itália?

Olá! Como você está hoje? : ) Muito bem, espero!

Mesmo sabendo que você viaja com o seguro de saúde obrigatório contratado, não vale a pena acioná-lo por, por exemplo, uma dor de cabeça chata devido ao cansaço do voo; pode-se muito bem tomar um remédio com o qual você já esteja habituado como dipirona ou paracetamol, mas, você sabe como levar remédios em uma viagem internacional?

Vamos falar disso agora!

Pois bem, vamos começar com remédios mais rotineiros como analgésicos simples, remédios para enjoos entre outros; a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e outros órgãos responsáveis pela parte aérea no Brasil, não restringem o transporte de medicamentos simples em voos internacionais, porém, para evitar problemas tanto no embarque quanto no desembarque, vamos dar duas dicas bem simples e importantes, logo de cara, que podem te ajudar na hora de montar seu ‘kit de primeiros socorros’:


Faça da sua viagem para Itália uma experiência única! Conheça os meus e-books com dicas exclusivas de quem conhece o melhor da Itália!


– Mantenha seus medicamentos, sempre, em sua embalagem original, com a bula e, se possível, fechados. Evite utilizar porta-remédio! Apesar de prático, a medicação sem identificação pode te causar problemas na alfândega no país de destino.

– Tente viajar com uma receita do seu médico de confiança que ateste que você faz uso do remédio; isso pode evitar muitos mal entendidos. Não é exigência da ANVISA, mas não custa nada se precaver.

DICA: O que levar? O kit básico ideal possui: remédio para gripe, dor de cabeça, dor de estômago, diarreia, azia, colírio, remédio para enjoo, relaxante muscular e remédio para febre, além de termômetro e curativos.

Nota: não é difícil comprar este tipo de medicamento mais simples em farmácias italianas, porém nem sempre a dosagem e o nome do remédio são os mesmos, então é melhor não arriscar e evitar ao máximo comprar medicação na Itália sem aconselhamento médico, afinal estamos falando de saúde e com saúde NÃO SE BRINCA, principalmente no meio de uma viagem!

Para casos de remédios controlados (tarja preta e outros restritos) é preciso ter ainda mais cautela: você vai precisar de um atestado médico com seu nome completo, onde conste a prescrição médica do tratamento do remédio e a posologia do mesmo; também o mantenha na mesma maneira que citamos anteriormente: em sua embalagem original, com bula!


Se você deseja viajar para a Itália, siga o canal Viajado Para Itália no YouTube e descubra as melhores dicas para sua viagem ser inesquecível.

Para remédios líquidos, pomadas e sprays, observe o limite por frasco de 100ml. Mesmo em caso de medicamentos, essa quantidade não pode ser superior ao determinado pelos órgãos responsáveis.

Em caso de remédios homeopáticos e fitoterápicos, lembre-se de que eles não podem passar por radiação, ou seja: fique longe do raio x e solicite a revista de maneira manual (faz parte da inspeção diferenciada garantida pela ANAC na Portaria de n° 1.155/2015) e apresente a receita.

Para os diabéticos há algumas normas específicas e dicas que podem ajudar bastante durante a viagem. Antes de viajar converse com o seu médico! Peça a ele que te ajude a determinar as doses de medicamentos que deverão ser ministradas para que você consiga adaptar-se no novo fuso horário; peça também um atestado em inglês onde haja a explicação do seu tipo de diabetes e a descrição do tratamento proposto, onde constará a explicação da necessidade que você tem de portar insulina, lancetas, seringas, etc. Lembre-se de solicitar a inclusão do CID, Código internacional de Doenças, no atestado!


PASSEIOS EM GRUPO EM LÍNGUA PORTUGUESA NAS PRINCIPAIS CIDADES ITALIANAS? RESERVE AGORA CLICANDO AQUI!


Leve sempre cópias duplicadas do atestado e mantenha uma sempre em sua bagagem de mão, com seu passaporte.

Faça uma lista dos medicamentos que você porta (quantidade de seringas, lancetas, insulina) e a apresente junto com seu passaporte e atestado médico; vai facilitar bastante sua passagem pela alfândega.

– Evite ficar muito tempo sentado. O tempo de voo médio entre Brasil e Itália* é de, aproximadamente, 12 horas! Então caminhe durante alguns momentos, estique as pernas e mantenha-se hidratado.

*Voo direto partindo de São Paulo e chegando a Roma.


Guia Sua Viagem Para a Italia Gratuito Viajando Para Italia


Para viajantes que tem a necessidade da utilização de cilindro de oxigênio, é necessário entrar em contato com a companhia aérea com, no mínimo, 5 dias de antecedência para informar a situação. Vale lembrar que nem todos os cilindros de oxigênio são autorizados para embarque, cada companhia aérea tem suas restrições, portanto, informe-se! Converse com seu médico sobre o suplemento de oxigênio e a profilaxia para trombose venosa profunda e embolia pulmonar. Você também vai precisar enviar à companhia o MEDIF, que é em um formulário, preenchido e carimbado pelo médico, onde deverão constar suas informações pessoais, de seu acompanhante, necessidades específicas a bordo e/ou em solo como maca, cadeira de rodas, baterias, ambulância e oxigênio.

DICAS GERAIS:

Leve seus remédios sempre em sua bagagem de mão para evitar problemas caso sua mala seja extraviada.

Respeite os limites determinados pela ANVISA/ANAC/INFRAERO; caso o limite não seja observado sua medicação será descartada, na sua presença, por um funcionário responsável pelo controle.

– Respeite também o peso e as dimensões de seu nécessaire com medicamentos: não pode pesar mais de um quilo e deve medir, no máximo, 20×20 cm.

Toda medicação deve estar em sacos plásticos transparentes e vedados. (sacos plásticos estilo ziplock)

– Em caso de medicamentos que necessitem refrigeração, solicite a companhia aérea que eles cuidarão disso para você; informe-se diretamente com a companhia que eles lhe informarão como proceder.

Outra dica importante: não é o caso da Itália, mas caso vá viajar para outros países, principalmente países exóticos, verifique a exigência de vacinas e as tome com, pelo menos, 15 dias de antecedência à sua viagem.

BOA VIAGEM! DIVIRTA-SE! ; )

Beijo, Ana Patricia!


Não deixe de ler:

Como Chegar na Itália?

 


Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália

Seguro Viagem Para Italia Viajando Para Italia Aluguel de Carro na Italia Viajando Para Italia Onde Ficar na Italia Viajando Para Italia
O Seguro Viagem é obrigatório e mais barato do que você imagina. Ainda mais com nosso bônus. Quer viajar pela Itália de carro mas não sabe onde alugar um? Nós temos a solução para seu problema. Garanta sua hospedagem em site confiável e renomado, sem sustos em sua viagem.

 

   Mala Levar Vinho da Italia para Brasil Viajando para Italia Consultoria Para Viagem Para Italia Viajando para Italia
Passeios em Grupo em toda a Itália e com Compra de Bilhetes antecipada economizando tempo e dinheiro. Que tal uma mala para você levar os melhores vinhos italianos para sua casa no Brasil? Conheça mais essa facilidade. A sua Viagem dos Sonhos para a Itália pede um serviço diferenciado, com excelência e dentro do seu orçamento.

Os Melhores Conteúdos do Viajando Para Itália

  1. Qual é o gasto médio em um dia na Itália?
  2. O que visitar na Itália em 10 dias?
  3. Os dez lugares imperdíveis da Toscana?
  4. As melhores dicas para economizar na sua viagem para Itália?
  5. Aeroportos da Itália? Como chegar no teu hotel? Veneza, Milão, Roma, Florença? Saiba como agora!
  6. O que fazer em 1, 2, 3 ou 4 dias nas principais cidades italianas? Conheça itinerários em cada cidade que você vai visitar!
  7. As melhores dicas sobre alimentação na Itália? Vinho? Comida típica em cada lugar?Economizar? Roteiros de enogastronomia? Descubra tudo!
  8. Viagem de carro na Itália: Exemplos de roteiros nas principais regiões italianas!
  9. Quais são os principais monumentos turísticos na Itália? Quais são os monumentos imperdíveis e que você deve colocar no teu roteiro?
  10. Qual é a melhor época para ir para Itália? O melhor período? O clima na Itália?
  11. Saiba tudo sobre o Transporte na Itália? Trem? Carro? Como se deslocar? Comprar passagem de trem? Metro?
  12. Os melhores exemplos de roteiros turísticos na Itália? Monte o seu roteiro seguindo os meus conselhos!

Grande abraço da Itália,

Ana Patricia

4 Comentários
  1. Juliano Diz

    Olá, sabe se posso levar suplementos ? Alguns potes do meu uso.

    1. Ana Patricia Da Silva Diz

      Sinceramente não sei é permitido, te aconselho a verificar diretamente com a cia aérea se isso é possível.. porque sinceramente dependente do numero de potes acho que pode te dar problemas.. Ana

  2. Gabriela Diz

    Oii! Adorei o texto, muito explicativo.. mas ainda fiquei com uma dúvida! Faço uso de sibutramina com meu endocrinologista, para tratamento de obesidade, e li que na Europa não é permitido esse medicamento. Pretendo ir e ficar 3 meses na Europa, o que posso fazer a respeito? Se eu levar a receita e um descritivo do médico, será que é suficiente?

    1. Ana Patricia Da Silva Diz

      Gabriela bom dia, acredito que com a receita do teu médico você consiga comprar o remédio (ou um com princípios parecidos por aqui:)) obviamente não é o meu campo, portanto não posso ter certeza.. mais mal que vai chegando por aqui você vai em um hospital e tenta pedir a receita diretamente. Ana

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.