Itinerário na Itália de 15 dias?

O que fazer na Itália em 15 dias?

4 1.944

Roteiro de quinze dias na Itália?

O que fazer na Itália em 15 dias?

Como visitar a Itália em 15 dias?

em Milão, Verona, Veneza, Pisa, Siena, Florença, Assis, Roma, Nápoles, Pompéia, Capri e Costa Amalfitana.

São infinitos os itinerários e as excursões para se explorar a Itália, um país único no mundo pela a variedade em seu território, onde há um equilíbrio perfeito entre o mar e montanhas, colinas e planícies. Através deste roteiro de quinze dias, os visitantes podem visitar tudo o que o belo país pode oferecer (EM UMA PRIMEIRA VIAGEM!!!) .

O percurso terá início a partir do norte da Itália, especificamente da cidade de Milão, e desceremos, para o centro, e para o Sul. Realidades diferentes, mas que constituem um conjunto de regiões estritamente ligadas umas com as outras.


QUANTOS DIAS EU PRECISO PARA VISITAR A ITÁLIA?


Iremos nos deslocar de trem, carro alugado, às vezes usaremos também o transporte público.


PARA ENTENDER QUAL MEIO DE TRANSPORTE ESCOLHER LEIA O POST COMO ME DESLOCAR NA ITÁLIA?


Bem, a essa altura, não nos resta nada a não ser dar início a essa jornada de quinze dias através das mais belas cidades italianas. Pronto? Acredito que sim!

1) Primeiro Dia: Muitas vezes, quando pensamos em Milão, temos a imagem de uma cidade sempre séria e cinza, mas eu garanto que este conceito pertence àqueles não estão familiarizados com a capital Milanesa, que tem muito para oferecer aos seus visitantes. Um itinerário clássico poderia começar a direita da Praça da Catedral, onde há a Catedral que se junta ao século XIX com Galleria Vittorio Emanuele e ao palácio real, que abriga exposições de renome internacional. Se você quiser ver Milão partindo de cima, suba no Duomo para admirar a Madonnina. E ele vai te oferecer exatamente isso.


DICAS SOBRE MILÃO?


Milão na Itália
Milão na Itália

Um passeio fundamental é a Santa Maria delle Grazie conhecida pela Última Ceia, de Leonardo da Vinci, é necessário reservar os ingressos com muita antecedência, às vezes não há disponibilidade nem mesmo para três meses de antecedência. Basta uma curta caminhada, a partir da Basílica, e se chega ao Museu de Ciência e Tecnologia, um dos mais importantes da Europa.


ITINERÁRIO DE DEZ DIA NA ITÁLIA?


Continue pela Via Carducci e Piazza Sant’Ambrogio, ao lado de uma grande área para pedestres, se ergue a Basílica de Santo Ambrósio, padroeiro da cidade. A esse ponto, você fazer uma parada em um dos muitos locais da moda de Milão, que irá conquistá-lo. Interessante, e eu aconselho a não perder, é a Pinacoteca di Brera; também vale uma visita na Igreja de Santa Maria, em San Satiro; renovada a partir de 1478 por Bramante, visando harmonizar a estética do Renascimento, dotou-a de um santuário ‘falso’ feito uma erspectiva ilusionista e, definitivamente, não decepcionou. Agora você só precisa de um bom jantar e cama.


Guia Sua Viagem Para a Italia Gratuito Viajando Para Italia


2) Segundo Dia: Neste segundo dia em Milão começamos nosso passeio do Castelo Sforzesco, muitas vezes esquecido e ainda assim digno de se visitar; durante dois séculos a fortaleza, e residência dos Senhores de Milão, é  agora lar de alguns importantes museus locais. Também aproveite a oportunidade para desfrutar de um passeio em um dos mais belos parques da cidade, como o Parque Sempione. Atravessando o parque, você vai chegar ao Arco da Paz, aproveite e descanse em seus degraus. Depois do intervalo, lembre-se que Milão é a capital da moda, então se você estiver procurando por um lugar na cidade onde dar vazão aos desejos de moda e vestuário, as soluções estão no Corso Buenos Aires e na Via Torino.


ONDE FAZER COMPRAS EM MILÃO?


Há de tudo e se sua carteira permitir, então siga para Via Montenapoleone, a rua do luxo e da moda, única da cidade. Agora só precisamos visitar a área original e bonita dos canais, onde se pode desfrutar de um jantar em restaurantes típicos da região e, mais tarde, provar os fantásticos aperitivos; em seguida, para a cama.

3) Terceiro Dia: Neste terceiro dia de passeios pela Itália, você vai para aprender sobre a cidade dos amantes e muito mais; Verona é uma cidade rica em história, arte, literatura, belas paisagens e famosos vinhos e produtos alimentares em todo o mundo.


DICAS SOBRE VERONA?


Começamos a visita pelo seu centro histórico, onde se pode admirar pontes, igrejas, palácios, praças e monumentos e testemunhar o esplendor milenar, como a Piazza Bra, Piazza delle Erbe e Piazza dei Signori. Como não visitar o símbolo da cidade, a espectacular Arena, que recebe anualmente eventos internacionais. Eventualmente, depois de uma pausa em um dos cafés especiais do centro, você pode visitar a casa de Julieta, outra coisa que tornou a cidade famosa em todo o mundo graças ao romance de Shakespeare. Verona possui um património artístico imenso e uma deslumbrante vista da cidade que vai deixar uma marca em sua memória para sempre. Depois de um bom jantar, hora de irmos dormir.

Turismo em Verona

4) Quarto Dia: Veneza é uma cidade única no mundo, construída sobre a água no meio de uma lagoa, uma das cidades mais românticas na Itália com a sua Piazza San Marco. É uma cidade cheia de museus, palácios e igrejas para se visitar e canais para explorar. A maneira mais fácil e eficaz para conhecer Veneza é a pé, mas para ver a longa fila de palácios maravilhosos, com vista para o Grande Canal, uma boa ideia pode ser um passeio de Vaporetto. Bem como vale até mesmo subir no Campanile di San Marco, a fim de ter uma visão completa da Basílica, da praça e toda a cidade de Veneza do alto.


COMO CHEGAR EM VENEZIA?


Tudo isso será o seu primeiro dia em Veneza, e não é pouco. Claro que além das belezas de Veneza, vale descansar em um dos famosos cafés para um aperitivo e depois, quando cair a noite, aproveitar um delicioso jantar em um local típico e, finalmente, uma boa noite de sono.


DICAS SOBRE VENEZA?


Foto da nossa leitora Vanete Brambatti em Veneza
Foto da nossa leitora Vanete Brambatti em Veneza

5) Quinto Dia: Neste segundo dia em Veneza a melhor coisa a fazer, será percorrer a cidade a pé, movendo-se livremente pelas ruas estreitas para descobrir os muitos campos e fascinantes palácios e igrejas de Veneza, que irá revelar o menos conhecido da cidade. Com esse propósito, vale se deixar embalar pela magia das imperfeições das ruas de Veneza e de sua fascinante atmosfera. Para ver algo realmente típico e único, eu sugiro que você testemunhe a transformação do vidro em Murano. Depois de um belo dia, espera por você um apetitoso jantar e depois a cama.

6) Sexto Dia: (Depois de um bom café da manhã, siga para estação ferroviária Santa Lúcia para deixar Veneza e seguir para a cidade de Pisa, onde você ficará um dia). Assim que se acomodar em Pisa, você poderá ir direto para o centro, onde tem um símbolo da Itália e o mais famoso prado do mundo, na Praça dos Milagres.


DICAS SOBRE PISA?


A Praça dos Milagres envolve em um único olhar todas as maravilhas de uma cidade histórica incomum, como a cidade de Pisa. A importância visual desta praça, com todos os seus monumentos, não conhece rivais e a Torre Inclinada é o seu emblema, a sua marca. Claro que você não pode negligenciar as outras belezas que você vai descobrir simplesmente caminhando pela cidade, como o Museu de Sinopie, dispostos no Hospital de Santa Chiara, do século XIII. Continue a visita com a renascentista Piazza dei Cavalieri, que abriga a Scuola Normale Superiore de Pisa. Em seguida, você pode admirar o rio Arno, com a igreja de S. Maria della Spina, o Palácio Real e o museu de navios históricos de Pisa ao longo do rio Arno, na borda do centro histórico. Agora você pode terminar o passeio com uma visita à Piazza delle Vettovaglie que, ainda hoje, é a sede do mercado da cidade. Nesse ponto, você pode tirar proveito do centro histórico para jantar em um dos restaurantes típicos locais e depois ir dormir.

Conhecer Pisa
Conhecer Pisa

7) Sétimo Giorno: (Depois do café da manhã, deixamos Pisa e, de trem, vamos para estação Santa Maria Novella, para visitar outra bela cidade, berço do Renascimento italiano, falamos de Florença, onde você vai ficar uma noite). O city tour pode começar imediatamente a partir de Santa Maria Novella em diante. Ele continua pelo centro histórico, onde existem os locais mais famosos da cultura de Florença. No centro da cidade, são preservados alguns dos monumentos mais importantes, como o Batistério, o Duomo e a Catedral, decorados com painéis de mármore e fachadas elaboradas.


DESCUBRA TUDO SOBRE FLORENÇA


Depois você pode ir a pé para a casa de Dante, para ver a famigerada Igreja de Dante e Beatriz. Outra parte do passeio é o Palazzo Vecchio e o pátio da família Medici. Enquanto na Piazza della Signoria, você verá um museu ao ar livre que consiste em numerosas estátuas, incluindo uma réplica do David, de Michelangelo, assim como muitas outras obras notáveis. Continuando o passeio, vamos até o Uffizi, uma verdadeira obra-prima que faz inveja pro mundo. Ao longo do rio Arno você vai passar por cima da Ponte Vecchio, famosa por suas lojas de joias. O passeio termina em frente ao Palazzo Pitti. Depois de tanta arte e beleza, aproveite, em paz, para desfrutar de um saboroso jantar em um típico restaurante no centro e depois, cama.

Duomo di Santa Maria em Florença4
Duomo di Santa Maria em Florença4

8) Oitavo Dia: Siena é uma das mais importantes cidades de arte italiana. Localizada na antiga Via Francigena e rodeada por pitorescas colinas cobertas de vinhas e olivais, é o destino ideal para os amantes da cultura e da arte, mas também da beleza natural e da boa comida. É conhecida pelo seu patrimônio artístico que o seu centro histórico preserva e pela tradição viva do Palio, que cria uma atmosfera única durante o evento.


DICAS SOBRE SIENA?


Vamos agora visitar os museus e os edifícios mais importantes de Siena, tais como a Câmara Municipal, o Palazzo Salimbeni, o Logge del Papa e muitas igrejas, como San Domenico; se quiser um desafio, suba a torre do Mangia para desfrutar de uma vista magnífica da cidade. Extraordinária é a tradição culinária das terras de Siena, caracterizada pela cozinha “pobre” do passado, mas também de delícias gastronômicas, tais como a ‘chianina’ (carne bovina), ‘pici’ (um tipo de espaguete mais grosso), ‘ribollita’ (uma sopa camponesa) e doces, como o ‘panforte’ (um tipo de torta redonda e achatada composta por uma mistura de farinha, açúcar, mel e várias especiarias; com amêndoas, avelãs e frutas cristalizadas) e o ‘ricciarelli’ (a base de açúcar, ovo e amêndoas). Como não apreciar essas iguarias em um saboroso jantar e, sendo Siena uma renomada terra do vinho, um copo de vinho; entre os mais populares estão o Chianti, Brunello di Montalcino e Montepulciano.

Siena
Siena

9) Nono Dia: Visitar a cidade de Assis significa apreciá-la em todos os seus aspectos, de fato, para aqueles que querem viver no seu aspecto mais místico, poderão participar de eventos religiosos, como o ‘Perdão’, a procissão do ‘Cristo morto’, a celebração da Páscoa, o Santo Natal, a festa de São Francisco ou a festa de Santa Chiara.


DICAS SOBRE ASSIS?


Ou você pode ver Assis no aspecto cultural, e há muitas oportunidades que surgem ao longo do ano, desde exposições em exibição no Monte Frumentario, na Pinacoteca, ou diretamente nos mais importantes monumentos como a Basílica de San Francesco, a Igreja de Santa Chiara e a Catedral de San Rufino. E isso é o que vamos fazer assim que chegarmos à cidade, visitar tudo o que se há para ver, tanto no aspecto religioso como no cultural e artístico. Depois de um bom jantar, estará pronto pra dormir.

Basilica de São Francesco em Assis, Umbria
Basilica de São Francesco em Assis, Umbria

10) Décimo Dia: (Tomamos café da manhã e depois de sair Assis, vamos de trem para a Cidade Eterna, onde você vai ficar duas noites). Assim que você chegar a Roma, e deixar a sua bagagem e voe imediatamente para uma caminhada entre as mais bonitas ruas de Roma, para se perder em muitas ruas estreitas e admirar as ruínas antigas. Será certamente uma experiência inesquecível

Para compreender o verdadeiro espírito de Roma você tem que incluir, além dos monumentos clássicos, tudo o que faz caracteriza Roma e os lugares que nos fazem compreender a riqueza dessa cidade. Bem, nesse ponto você só tem que começar o passeio a partir do Coliseu, do Fórum Romano e do Monte Palatino. Faça uma pausa para o almoço no Celio, e depois vá até a Basílica de San Clemente, que está a poucos metros de distância.


LEIA TODAS AS NOSSSAS DICAS SOBRE ROMA


Foto da nossa leitora Ludmila com a mãe em Roma
Foto da nossa leitora Ludmila com a mãe em Roma

Continue na Via dei Fori Imperiali para chegar até a Piazza Venezia, onde há o monumento do Soldado Desconhecido e, a pé, vá até a famosa Piazza del Campidoglio, jóia arquitetônica do gênio Michelangelo. Nas proximidades, você não pode perder a Basílica de São Paulo Fora dos Muros. Depois dessa visita, você merece um saboroso jantar em algum restaurante típico no centro e, em seguida, cama.

11) Décimo primeiro Dia: (Depois de um bom café da manhã, você vai voltar para visitar os pontos turísticos de Roma). Nesse dia, antes da visita à Basílica de São Pedro, você definitivamente deve visitar a extraordinária, mas pouco conhecida e visitada, Villa Farnesina. O ingresso é barato e tem muito a oferecer; você terá a oportunidade de admirar os afrescos de Rafael e sua escola, um mundo de arte diferente daquele do Vaticano. Após a visita a Basilica siga conhecendo o Museu Vaticano, te aconselho a estar pelo menos 3 horas nesse museu (é o minimo de tempo para ver os iténs mais importantes do museu).


COMO VISITAR O MUSEU VATICANO?


Museu Vaticano em Roma
Museu Vaticano em Roma

Siga para Santa Maria em Trastevere, uma revelação inesperada que surge em meio aos becos das ruas do bairro; uma igreja com uma atmosfera intensa e verdadeira, assim como o lugar onde você estará: esse é o verdadeiro coração de Roma, popular e particular.


basilica san pietro5

Continue o seu passeio em Trastevere e, uma vez que você está ali, faça uma parada em uma das muito típicas ‘trattorias trasteverine’ para, depois, seguir para o Vaticano, aonde você vai se deslumbrar com a Basílica, linda por dentro e por fora. Neste ponto, dado o tempo eu acredito que ainda dá para desfrutar de um jantar leve à luz e, a seguir, cama.

12) Décimo segundo Dia: (Depois do almoço, você deixar a capital para ir visitar, sempre de trem, uma cidade multifacetada, a bela cidade do sol: Nápoles, onde você vai ficar uma noite).


SAIBA TUDO SOBRE NÁPOLES


Nápoles é também roupas penduradas ao sol, as vozes nos quarteirões, a atmosfera das suas ruas; Nápoles é um lugar que você não vai esquecer. Depois de se acomodar em um hotel, vamos imediatamente descobrir suas praças e suas igrejas ricas em tesouros, e muitos monumentos que ainda são desconhecidos do público, também poderia ser muito interessante, uma jornada na  Nápoles subterrânea. Na cidade velha, não dá para desperdiçar o complexo de Santa Chiara, San Domenico Maggiore, a igreja de Novo Jesus, o Duomo. São interessantes, a Capela San Severo com o seu Cristo velado ou a da Misericordia Pio Monte, com a seu Caravaggio. Quando você chegar a Vomero, você verá o Certosa di San Martino e o Castelo Sant’Elmo. Vale a pena visitar, inclusive, o Palácio Real, o Palácio de Capodimonte e os jardins. Uma vez em Nápoles, é um dever comer a pizza napolitana e uma massa folhada, para então você poder ir dormir.

ir em napoles a partir de roma

13) Décimo terceiro Dia: (Após o café da manhã, saímos de Nápoles e, dessa vez, alugamos um carro para irmos até Pompéia, onde você vai parar durante a noite). A alma desta cidade são as ruínas arqueológicas, que são Património Mundial da UNESCO desde 1997; você vai ficar fascinado por esse passeio através da história.


DICAS SOBRE POMPÉIA?


Pompéia tem origens antigas, quase como Roma, rica em monumentos e praças, é a cidade ‘Belpaese’, onde a história se conta sob os olhos encantados de milhões de turistas. Certamente a primeira coisa a ver são as escavações arqueológicas que representam a principal atração da cidade e que vai tomar a maior parte do dia. Depois de visitar as escavações, faça uma pausa refrescante para uma bebida e continue o passeio pela Vila dos Mistérios e pelo Santuário da Virgem do Rosário. Resta, nesse momento, você desfrutar de um jantar e depois de ter uma boa noite de sono.

Pompei
Pompei

14) Décimo quarto Dia: (Depois de um café da manhã saudável, vamos começar, de carro, a Costa Amalfitana, um paraíso natural que vai deixar você sem palavras e onde você vai ficar por uma noite em uma pousada em Positano). Este dia será dedicado a explorar Amalfi, porque em um dia você não se pode ver muito, você vai fazer paradas curtas em Amalfi, famosa em todo o mundo pela sua paisagem mágica e por seu belo Duomo, Ravello com suas vilas, Rufolo e Cimbrone que encantaram artistas como Wagner e Greta Garbo, e depois vamos parar em Positano, a pérola da costa.


DICAS SOBRE A COSTA AMALFITANA?


De carro você chegar à bela Amalfi, Ravello e depois Positano. Positano é uma bonita vila costeira na Costa Amalfitana, muito característica, aconchegante e colorida. Hospeda todos os anos milhares de turistas de todo o mundo. Entre as suas muitas virtudes há também a de ser a ‘altura do ser humano’, por isso pode-se facilmente visita-la a pé. E é isso que eu recomendo fazer, especialmente para apreciar a miríade de becos e ruas estreitas, que cruzam a aldeia criando um caminho labiríntico e sugestivo que é o elemento mais atraente, além da bela paisagem desta pequena aldeia.

Conhecer Ravello na costa amalfi
Conhecer Ravello na costa amalfi

O centro da vila está reunido em torno da Piazza Flavio Gioia, com a igreja do século XIII dedicada a Santa Maria Assunta em que se encontra a cúpula de faiança. Durante os passeios aproveite a oportunidade para ir às compras, na verdade Positano também é famosa pela moda, e é por isso que ao longo do labirinto de ruas estreitas é fácil de deparar com muitas boutiques e lojas de alfaiates que vendem criações originais da linha ‘moda mar’ Positano, como vestidos, kaftans, saída de praia  e cangas adornadas com pedras, com o coral típico, turquesa e pérolas.

Positano
Positano

Refresque-se durante um passeio pelas ruas estreitas com uma ‘granita de frutas típicas’ e saborosas em um dos muitos bares locais com terraços. Em relação à noite é um dever terminar o seu dia inesquecível com um jantar com vista para o mar e com peixe fresco.

15) Décimo quinto e ultimo Dia: (Depois de um incrível café da manhã, aproveite o último dia do roteiro em uma das mais belas e visitadas cidades, a maravilhosa Capri). Considerada a pérola do Golfo de Nápoles, na ilha de Faraglioni é um marco, desde os dias distantes, quando o imperador romano Tibério construiu uma casa suntuosa, para suas ‘férias’.


DICAS SOBRE CAPRI?


Mencionar os grandes nomes e as figuras históricas que ficaram, visitaram, são citados ou simplesmente são queridos em Capri, ocuparia um parágrafo inteiro. Embora a ilha seja a segunda menor da Baía de Nápoles, tem muitas atrações para ver e coisas para fazer; claro, em um dia você pode ver as coisas mais importantes, mas você pode se programar para voltar para ver e fazer tudo o que não conseguiu. Inevitável, mesmo que apenas em um curto passeio, será uma visita a Villa Jovis, reinado de Tibério. Imperdível também são Villa San Michele e o Museo Axel Munthe. Para fazer, definitivamente, é uma excursão que é o grande clássico de Capri, um passeio de barco, oferecendo paisagens verdadeiramente notáveis vista de cima.

Foto da nossa leitora Zelia e marido em Capri festejando 25 anos de casamento!
Foto da nossa leitora Zelia e marido em Capri festejando 25 anos de casamento!

Seria um pecado se limitar somente à Piazzetta, esquecendo-se da tranquilidade de Anacapri, mais discreta, mas ainda com um charme autêntico. Para chegar lá, somente com pequenos ônibus que ligam as duas aldeias da ilha. Nesse ponto, eu acredito que a sua visita terminará com um jantar inesquecível em um restaurante típico e depois você irá dormir. É o último dia e no dia seguinte você vai para o aeroporto de Nápoles e volta à vida cotidiana.


DESCUBRA OUTRAS OPÇÕES DE ROTEIROS NA ITÁLIA DE 7/10/15/20/30 DIAS


DICA: Vai viajar pela Itália de carro? Não sabe onde alugar o carro? Nós temos um parceiro que pode te ajudar: Rent Cars! Já pensou em alugar um carro na Itália, sem sair de casa, com atendimento em português, pagando em Real, sem cobrança de IOF e ainda poder parcelar em 12x sem juros no cartão? E que tal um desconto de 5% para pagamento à vista? Gostou da idéia? Então clique no banner abaixo Pesquise, compare e escolha! : )


Conclusões

Depois de viajar por quinze dias, visitando as mais belas cidades italianas, só posso dizer que realmente vale a pena. Tenho certeza de que essa rota terá sempre um lugar em seu coração e em suas melhores memórias. A Itália é realmente um grande e belo país.


Não deixe de ler:

Como Chegar na Itália?


Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália

Seguro Viagem Para Italia Viajando Para Italia Aluguel de Carro na Italia Viajando Para Italia Onde Ficar na Italia Viajando Para Italia
O Seguro Viagem é obrigatório e mais barato do que você imagina. Ainda mais com nosso bônus. Quer viajar pela Itália de carro mas não sabe onde alugar um? Nós temos a solução para seu problema. Garanta sua hospedagem em site confiável e renomado, sem sustos em sua viagem.

 

   Mala Levar Vinho da Italia para Brasil Viajando para Italia Consultoria Para Viagem Para Italia Viajando para Italia
Passeios em Grupo em toda a Itália e com Compra de Bilhetes antecipada economizando tempo e dinheiro. Que tal uma mala para você levar os melhores vinhos italianos para sua casa no Brasil? Conheça mais essa facilidade. A sua Viagem dos Sonhos para a Itália pede um serviço diferenciado, com excelência e dentro do seu orçamento.

Os Melhores Conteúdos do Viajando Para Itália

  1. Qual é o gasto médio em um dia na Itália?
  2. O que visitar na Itália em 10 dias?
  3. Os dez lugares imperdíveis da Toscana?
  4. As melhores dicas para economizar na sua viagem para Itália?
  5. Aeroportos da Itália? Como chegar no teu hotel? Veneza, Milão, Roma, Florença? Saiba como agora!
  6. O que fazer em 1, 2, 3 ou 4 dias nas principais cidades italianas? Conheça itinerários em cada cidade que você vai visitar!
  7. As melhores dicas sobre alimentação na Itália? Vinho? Comida típica em cada lugar?Economizar? Roteiros de enogastronomia? Descubra tudo!
  8. Viagem de carro na Itália: Exemplos de roteiros nas principais regiões italianas!
  9. Quais são os principais monumentos turísticos na Itália? Quais são os monumentos imperdíveis e que você deve colocar no teu roteiro?
  10. Qual é a melhor época para ir para Itália? O melhor período? O clima na Itália?
  11. Saiba tudo sobre o Transporte na Itália? Trem? Carro? Como se deslocar? Comprar passagem de trem? Metro?
  12. Os melhores exemplos de roteiros turísticos na Itália? Monte o seu roteiro seguindo os meus conselhos!

Grande abraço da Itália,

Ana Patricia

4 Comentários
  1. Graziela Diz

    Compramos as passagens \o/ chegaremos em Nápoles dia 07/08 e partiremos de Nápoles dia 22/08 serão 13 dias de viagem :):):):):):)

    Fiz um roteiro, considerando o seguinte:

    Embarque 06/ago
    Chegada 07/ago
    *Nápoles (ficaremos ospedados em Avelino até o dia 10/8) 08/ago
    Capri 09/ago
    Vesuvio 10/ago
    Pompéia 10/ago
    Roma (hospedar em Roma) 11/ago à 12/ago
    Veneza (hospedar em Veneza) 13/ago à 14/ago
    Verona (hospedar em Verona) 15/ago
    Florença (hospedar emFiorença) 16/ago
    Luca (hospedar emFiorença) 17/ago
    Pisa (hospedar emFiorença) 17/ago
    Milão – passar o dia em Milão e embarcar a noite para Paris 18/ago
    Paris (hospedar em Paris) 19/ago
    20/ago
    Nápoles (de volta para Avelino – casa de minha Família) 21/ago
    Embarque 22/ago
    Chegada 23/ago
    Pelo que li, meu roteiro está arrojado… porém não impossível, mas cansativo… qual a sua opinião?

    Muito obrigada!

    Abraços
    Graziela

    1. Ana Patricia Da Silva Diz

      Respondeu com as minhas palavras.. muito cansativo, vai ver realmente somente as atrações principais de cada cidade.. mas não é impossivel:) Lembra de ler sobre cada cidade que colocou diretamente no meu blog.. tem post sobre todas localidades.. Abraços e boa viagem!

  2. Cleide Alice Diz

    Boa tarde, Patricia por favor me envie seu email, pois não achei por que queria saber outras informações, preços pacotes e etc.
    Desde já obrigada.
    Cleide Alice

    1. Ana Patricia Da Silva Diz

      O teu email tinha ido para o sapam.. vou te envio um email direto:)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.