Como visitar o Museu Vaticano?

Os Museus do Vaticano: uma das maiores coleções de arte do mundo. Vamos saber tudo sobre esses museus?! Temos informações úteis para você colocar no seu roteiro de viagem para a Itália!

10 12.195

Como visitar o Museu Vaticano?

O território da República Italiana, conserva no seu interior, uma pequena surpresa: o Estado do Vaticano. A Cidade do Vaticano é um enclave inserido na malha urbana da cidade de Roma, o menor estado independente do mundo, tanto por população (836 habitantes) como por sua extensão territorial (0,44 km²). Têm um sistema de monarquia absoluta com o Papa como seu líder; as línguas oficiais são o italiano para o Vaticano e o latim para a Santa Sé. Foi apenas uma breve introdução, pois temos muitos mais a respeito desse tema. Vamos saber agora como visitar o Museu do Vaticano? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Como visitar o Museu Vaticano?
Mapa dos Museus do Vaticano

Nossa Introdução

Este pequeno estado abriga os Museus do Vaticano: uma das maiores coleções de arte do mundo; fundado pelo Papa Júlio II, no século XVI, quando o recém-eleito papa colocou uma estátua de Apolo no pátio interno do Palácio Belvedere e, a partir daí, começou a colecionar esculturas, o seu exemplo foi seguido ao longo dos séculos pelos outros Papas.

Dessa forma, a sua enorme coleção de obras de arte, fazem desse museu um complexo museológico de grande importância tanto por sua beleza quanto pela sua riqueza. Composto por um conjunto de quartos, salões, museus, galerias, capelas, bibliotecas, enfim a partir do renascimento não existiu um artista que não deixou um “pouco” do seu gênio em uma das tantas obras que hoje se encontra no Museu. Somente para você ter ideia, o Museu do Louvre, em Paris, tem 7.000 m, enquanto esse museu têm 7.600 metros! É incrível, não é verdade?

Curiosidade

Em 2011, 6 milhões de pessoas passaram por esse museu, fazendo dele o museu “italiano” mais visitado, mesmo que na verdade, ele não seja considerado parte do território pertencente à República Italiana.

1) Como visitar o Museu Vaticano? ENTENDA A DIVISÃO DOS MUSEUS

Na foto abaixo você poderá entender como é dividido os Museus, com as suas várias seções onde você poderá visitar galerias sobre arte egípcia, etrusca, gregas e romanas, além de um conjunto de quatro salas decoradas por Rafael (incluindo a clássica pintura Escola de Atenas), os apartamentos papais com os afrescos de Michelangelo e de Rafael e tantos outros pequenos museus históricos e etnológicos.

Como visitar o Museu Vaticano?



Sua Composição

Basicamente o museu é composto da seguinte forma:

Museu Chiaramonti

Composto por mais de 800 obras gregas – romanas assim como 5.000 inscrições pagãs e cristãs.

Museu Pio Clementino

Formado por tantas obras neo – clássica, assim como o sarcófago de Santa Helena e de Santa Costança, filha do Imperador Constantino;

Quartos de Rafael

Quando Rafael chegou em Roma foi apresentado a Julio II, que decidiu encomendar com Rafael os afrescos para alguns quartos, entre estes a Escola de Atenas, onde o artista retrata filósofos como Aristóteles, Platão e Sócrates;

Biblioteca Vaticana

A primeira da Europa em termo de antiguidade, de riqueza de manuscritos e de bibliografias raras, poderemos ver entre tantas raridades, o código da Bíblia do IV século, o Evangelho de São Mateus do séc. VI e tantos outros.

Museu Vaticano



Capela Sistina

A Capela Sistina, que recebeu este nome em 1881 por causa de Sisto IV – o papa que reconstruiu a antiga Capela Magna do Palácio Apostólicos. Os afrescos no teto, que retratam cenas do Gênese, foram pintados por Michelangelo entre 1508 e 1512; enquanto as pinturas que você vai ver nas paredes laterais foram feitas por artistas como Ghirlandaio e Botticelli, além disso como você sabe, a Capela Sistina é famosa em todo o mundo por ser o local onde o conclave desde o século XV se reúne para a eleição dos novos papas!!

E por último e não menos importante, você poderá conhecer:

• Galeria dos Mapas;
• Museu Gregoriano Etrusco;
• Museu Gregoriano Egípcio;
• Museu Profano Gregoriano;
• Pátio da Pinha;
• Museu Etnológico;
• Braccio Nuovo;
• Galeria dos Candelabros;
• Galeria das Tapeçarias;
• Galeria dos Mapas;
• Aposentos de São Pio V;
• Sala Imaculada Conceição;
• Apartamentos Borgia;
• Pinacoteca.

Curiosidade

Uma curiosidade sobre o museu, foi quando em maio de 1938, Adolf Hitler, líder da Alemanha nazista, chegou em Roma, como hóspede do rei Victor Emanuel III e de Benito Mussolini. O Papa Pio XI não só se recusou a recebê-lo, mas mudou-se por alguns dias para a casa de campo, em Castel Gandolfo, e determinou que o museu e a Basílica permanecessem fechados durante todo o tempo que o Fuhrer estivesse em Roma. Desta forma, o alemão, não só nunca pode entrar no território do Vaticano bem como não pode conhecer as coleções do famoso Museu!!

Informações Úteis

Entrada: das 09:00 até às 16:00 (o museu fecha às 18:00) e funciona de segunda a sábado. O custo do museu é de 17,00 Euros. O museu não abre aos domingos, com exceção do último domingo do mês quando a entrada é gratuita (das 09:00 às 14:00). Além disso, o museu está fechado nas seguintes datas:

• Janeiro: dias 01 e 06;
• Fevereiro: dia 11;
• Março: dia 19;
• Abril: dias 05 e 06;
• Maio: dia 01;
• Junho: dia 29 (SS. Pietro e Paolo);
• Agosto: dia 15;
• Dezembro: dias 08, 25 e 26.

Ingressos:

 Como chegar ao VATICANO?


1)  Como chegar ao VATICANO? DE AVIÃO

Aeroportos: L. Da Vinci, Fiumicino ou Aeroporto GB. Pastine, Ciampino.

2)  Como chegar ao VATICANO? TREM/METRÔ/ÔNIBUS

Estações de Trem: Estação San Pietro / Estação Termini / Estação Tiburtina.

A partir da Estação Termini ou da Estação Tiburtina você fará o seguinte:

  • De Metrô: Chegando em Roma, a parada do metrô mais perto é OTTAVIANO, linha A, localizado há 10 minutos de caminhada do Museu Vaticano e 12 minutos da Basílica de São Pedro. Leia aqui Como usar o metrô em Roma? e veja como é fácil se locomover em Roma.
  • De ônibus: Existem várias conexões das principais cidades italianas até Roma. Quase todos os serviços de longa distância têm como último destino um ponto em frente a estações de metrô, dentre as quais as principais são Tiburtina e EUR Fermi.

Você sabia que a Trenitalia é a principal sociedade italiana destinada à gestão do transporte ferroviário. Saiba aqui “Qual é a diferença dos trens na Itália?“. Compre sua passagem online com antecedência e economize muito, leia o Post “Como comprar uma passagem de trem na Itália?“.

Vai se hospedar em Roma? Então siga nossas dicas exclusivas de Hotéis!!!

Aqui você encontrará gratuitamente indicações de hospedagem para não cair numa furada e não ficar em uma zona distante das atrações na Itália!

A seguir, não deixe de ler nossas dicas e conselhos sobre os bairros de Roma e onde se hospedar. Aqui você encontrará o melhor bairro e o tipo de hospedagem que mais se encaixa no perfil de sua viagem;)

Saiba que reservando dentro do nosso blog através da Booking.com você estará colaborando a manter nosso site e você não pagará nada a mais por isso, pois o serviço de reserva é GRATUITO. Ou seja, sem taxas de reservas ou administrativas, e as reservas podem ser canceladas Gratuitamente.

Hospedagens que aconselho perto do Centro Histórico

Se você é apaixonado pela arte e gostaria de ficar no centro onde poderá se deslocar a pé, assim como ter inúmeras possibilidades de lugares para almoçar/jantar ou lanchar te aconselho a ficar no centro histórico. Podem ser consideradas “centro histórico” as regiões perto da Fonte de Trevi, do Coliseu, do Fórum Romano, Fórum Imperial e da Villa Borghese, da Piazza Spagna e da Piazza Navona. São as áreas mais caras, porém estará próximo de tudo, literalmente!

Se quiser economizar uma ótima opção é o B&B, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se prefere um bom hotel, tenho três opções que gosto muito, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho perto da Região de San Giovanni

Para quem deseja encontrar alternativas mais econômicas em áreas tranquilas, mas ao mesmo tempo perto dos meios de transporte para o centro, sugiro a região de San Giovanni ou do Monti (perto das estações de metrô San Giovanni, Castro Pretorio e Circus Massimo) – que é um bairro mais residencial; portanto, mais econômico e tranqüilo! E com apenas 15 minutos de metrô estará no centro também!

Tenho duas opções de Hotéis que recomendo, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Tenho duas opções de Pousadas que recomendo, clique nos links abaixo e conheça cada uma. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho perto da Cidade do Vaticano

Uma zona interessante para se hospedar e um pouco mais econômica que o centro histórico é a zona do Vaticano (Museus do Vaticano) que está muito bem conectada com tudo.

Tenho duas opções de Pousadas que recomendo, clique nos links abaixo e conheça cada uma. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se prefere um hotel, tenho três opções que recomendo, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho perto da Estação Termini

Para quem prefere ficam em bairros que tenham um bom acesso ao resto da cidade e com um preço melhor, então deve escolher uma acomodação nas intermediações da Estação Termini (de onde parte uma densa rede de meios públicos de transporte, que serve tanto o povo local quanto os turistas).

Tenho 3 sugestões boas de hotel em Termini, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se prefere pousadas tenho 2 sugestões boas, clique nos links abaixo e conheça cada uma. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho em Trastevere

Para quem prefere “saborear” a Roma autêntica e característica, não há nada melhor que reservar um hotel no Trastevere (nos arredores do histórico rio da cidade), pleno de história e tradições tipicamente romanas, conhecido pelas ruas tortuosas de pedras sampietrini e pelos centros habitacionais em estilo medieval.

O bairro fica no centro histórico e à direta do rio Tevere, em meio a uma paisagem espetacular, onde cada visitante pode observar as inúmeras igrejas e praças (como a de Santa Maria in Trastevere). Além disso, este bairro oferece vários restaurantes locais e cantinas para quem deseja experimentar a típica culinária romana.

Se quiser economizar uma ótima opção é o B&B, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se prefere um bom hotel, tenho duas opções que gosto muito, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)


Assista esse vídeo e saiba: Como comprar online o bilhete do Museu Vaticano? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

 Conclusão

Como visitar o Museu Vaticano? Caminhar por entre os corredores dos Museus do Vaticano, como você imaginou é um experiência única e incomparável e justamente por isso deve ser feita do melhor modo possível, se você quiser conhecer somente a Capela Sistina  de modo superficial aconselho que faça o passeio sozinho, já se você gosta de arte ou se quer entender melhor a importância de algumas das obras raras que você encontrará no Museu aconselho que faça o passeio com uma guia em língua portuguesa que vai saber te explicar o melhor da história surpreendente e única desse museu!! E você não vai nunca poder esquecer!!

Se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!


para sua viagem perfeita!

CONSULTORIA

Guias 100% customizados e dentro de seu orçamento!

Planejamento de Viagem

MINICURSO

Apenas para inscritos em nossa newsletter!

 

Aproveite melhor suas férias! Aprenda a planejar com segurança e eficiência sua viagem pela Itália. Curso grátis!