Tomadas na Itália: o que eu preciso saber?

Tomadas na Itália: o que eu preciso saber? Por mais banal que seja, é um assunto que ainda causa muita confusão na cabeça de quem vai para a Itália. Hoje vamos saber como são as tomadas na Itália!

0 414

Tomadas na Itália: o que eu preciso saber?

Uma das dúvidas mais frequentes de quem viaja para a Itália: como são as tomadas? Qual é a voltagem? Preciso de adaptador? Hoje vamos tirar todas as suas dúvidas sobre as tomadas na Itália. Vamos ao nosso Post do dia: Tomadas na Itália: o que eu preciso saber? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

Quando viajamos para a Itália tudo é lindo, empolgante e divertido… Até precisarmos carregar o celular, ou usar nosso secador de cabelos… Isso porque as tomadas na Itália são diferentes das nossas e poucas pessoas se lembram de levar o abençoado do adaptador. Se você está organizando a sua viagem leia também O que eu preciso saber antes de viajar para a Itália? e O que fazer antes de viajar para a Itália?

Vamos entender um pouco sobre o assunto?

Aqui no Brasil, no ano 2000, o então presidente do INMETRO, Armando Mariante Carvalho Junior, assinou uma portaria que obrigava a mudança das tomadas brasileiras: elas teriam agora TRÊS pinos, e não mais dois. Deu o prazo de 10 anos para que todos pudessem se adaptar e, a partir de 2010, os fabricantes de produtos elétricos precisaram usar o chamado “padrão NBR 14136”. O termo alfanumérico define, de forma técnica, a nova tomada padrão no Brasil. Isso significa que ninguém mais no Brasil podia (pode) fabricar, importar ou vender aparelhos com plugues fora do padrão; caso isso aconteça, podem ser aplicadas severas multas aos responsáveis.

Bem, 20 anos depois, sabemos que, na prática, a teoria é outra. Fato é que, a maioria dos produtos – não todos – possui tomada de três pinos e, quando viajamos, precisaremos, sim, de um adaptador. O que poucos sabem é que essa tomada de três pinos era para ser universal e foi desenhada em 1986: mas não pegou! Embora vise a segurança da implantação elétrica, muitas pessoas, principalmente nas residências mais antigas, não trocaram as tomadas de casa e, por isso, acabam usando adaptadores.

Quando falamos de Europa, embora haja um padrão europeu para as tomadas, esse padrão não é, de fato, “padrão europeu”, ou seja, não é o mesmo para TODOS os países. Três países europeus NÃO utilizam esse padrão (que acaba não sendo padrão hahaha), tendo seu próprio modelo de tomada: Suíça, Reino Unido e, nossa querida, Itália.

1) Tomadas na Itália: o que eu preciso saber? A TOMADA NA ITÁLIA É DE 3 PINOS!

Pois bem: como são as tomadas na Itália? As tomadas na Itália também são de três pinos, chamada tipo L, porém são três pinos alinhados, não tem esse “desvio” que tem na nossa. O bom disso é que a tomada ‘aceita’ também os plugues com dois pinos. Por lá você também encontra a tomada de dois pinos, mais rara, e outra tomada de dois pinos com “desvios”, sendo que ela é afundada, ou seja, não são todos os plugues que se encaixam ali. Preste atenção, O.K.? Abaixo você pode observar as tomadas mais comuns na Itália:

Fonte: www.guiaviagem.org/plugues-e-tomadas-electricas-na-europa/#

Tomadas na Itália: o que eu preciso saber?

Fica a Dica

  • Uma das melhores dicas que posso te dar é: compre um adaptador universal! Custa entre 5 e 20 reais e ajuda DEMAIS! Mas compre no Brasil, na Itália pode custar até 20 euros!

Fonte: www.amazon.com.br

Tomadas na Itália: o que eu preciso saber?

2) Tomadas na Itália: o que eu preciso saber? A VOLTAGEM NA ITÁLIA!

Outro fator importante: a voltagem na Itália. Aqui no Brasil, dependendo da região, a voltagem varia entre 110V e 220V; na Itália a voltagem é 230V e a frequência é de 60Hz. Mesmo que a tomada por lá ‘aceite’ o plugue de dois pinos, é melhor não arriscar, portanto, de novo: compre um adaptador universal.

CUIDADO COM APARELHOS QUE NÃO SEJAM BIVOLTS!

Se você tem um aparelho e NÃO sabe sua voltagem, ou não se lembra, evite leva-lo para sua viagem, ou compre um que você tenha certeza absoluta de que é bivolt. Além que queimar seu aparelho, você pode causar um acidente utilizando a tomada, como um curto circuito e acabar causando um incêndio. DICA: Os carregadores de celulares, normalmente, são bivolts.

Informações e Dicas Importantes

  • Importante também: se for comprar algum aparelho eletrônico na Itália, verifique se ele é bivolt e qual é o plug dele. Lembrando, mais uma vez: a tomada de três pinos italiana é DIFERENTE da nossa! Os pinos são alinhados, a nossa não, O.K.?!
  • Se você não tiver o adaptador universal (ou tiver esquecido de compra-lo), pode verificar com a recepção do hotel se eles podem te emprestar algum; não garanto que eles tenham algum disponível, portanto, o mais seguro, é levar o seu.
  • É bom também levar um Power Bank universal. Invista em um modelo potente, pois caso você esteja longe do hotel ou em algum local sem tomada com acesso fácil, ele pode ajudar DEMAIS durante sua viagem.
  • Em tempo: na Itália, adaptador universal se fala adattatore universale. Você pode encontrá-lo em lojas de produtos eletrônicos, em tabacchini maiores (lugares similares a bancas de jornal) e até mesmo no setor de eletrônicos nos grandes supermercados; o mesmo vale para o Power Bank.
  • Não confunda benjamim com adaptador, tá? São coisas completamente diferentes e não sobrecarregue o adaptador com vários benjamins, pode ser bem perigoso!

Importante Saber

Se você tiver alguma dúvida sobre como utilizar o adaptador universal, não hesite em pedir ajuda para alguém no hotel. Outra coisa importante: em caso de dúvida sobre um eletrônico ser ou não bivolt, NÃO O UTILIZE! Lembre-se também que alguns aparelhos possuem uma espécie de “chave seletora de voltagem”, então, antes de utilizar o aparelho, certifique-se de que a chave está selecionada de forma correta, pois isso pode evitar uma sobrecarga e um possível problema no seu aparelho, como fazer com que ele queime.

Quando sair do quarto do hotel NÃO DEIXE NADA NO CARREGADOR! Alguns hotéis possuem a “chave cartão”, que corta a energia do quarto quando o cartão não está no local designado, outros hotéis não possuem essa chave e, portanto, a luz pode continuar acesa mesmo quando o hóspede não está no recinto, porém, para evitar acidentes, tire seus adaptadores e carregadores da tomada, utilize-os somente quando você estiver presente.


Assista a esse vídeo e saiba: O que você precisa saber antes de viajar para Itália – 1? Se inscreva em nosso canal e receba mais informações sobre a Itália. Não se esqueça de deixar o seu Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Tomadas na Itália: o que eu preciso saber? Saber a voltagem e o tipo de tomada utilizada em um país estrangeiro é essencial, mas é um detalhe que, muitas vezes, passam despercebidos por muitas pessoas – que só se lembram disso quando o plugue não encaixa na tomada.



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!


para sua viagem perfeita!

CONSULTORIA

Guias 100% customizados e dentro de seu orçamento!

Planejamento de Viagem

MINICURSO

Apenas para inscritos em nossa newsletter!

 

Aproveite melhor suas férias! Aprenda a planejar com segurança e eficiência sua viagem pela Itália. Curso grátis!