O que fazer em um dia em Monticchiello?

Pouco conhecida, Monticchiello é uma pequena cidade na província de Pienza, em Siena, na Toscana. Cheia de charme, a cidade é um belíssima e merece uma visita!

0 500

O que fazer em um dia em Monticchiello?

No coração do Val D’Orcia, Monticchiello passa quase despercebida aos turistas que visitam Siena. Pouco conhecida, a cidade é charmosa e parece ter saído de um livro de contos de fadas. Vamos ao nosso post do dia? O que fazer em um dia em Monticchiello? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

A cidade está muito bem localizada e fica perto de outras cidades que, também, vale a pena visitar: está a pouco mais de 60 km de Siena, 30 km de Montalcino, 16 km de San Quirico d’Orcia, 9 km de Montepulciano e somente a 8 km de distância de Pienza. Pode-se chegar a Monticchiello partindo de Pienza ou de Montepulciano ao longo da famosa avenida com ciprestes, com suas curvas famosas no mundo todo! Quando chegar ao portão que dá acesso à cidade (há apenas um, não tem erro!) você pode já desfrutar da vista deslumbrante das colinas de Val d’Orcia e, ali, você vai se sentir em um livro medieval! É impressionante a beleza desse lugar! A melhor maneira de começar sua visita é explorar, sem preocupações, as ruas estreitas da cidade. Ali, cada esquina apresenta um panorama diferente, mas todos igualmente incríveis! Saiba tudo sobre a Toscana aqui.

Dica de Ouro

1) O que fazer em um dia em Monticchiello? CONHEÇA A CABEÇA DO TRAIDOR

Há um desafio para quem visitar Monticchiello: procurar a “cabeça do traidor oprimida pela bala de canhão”. Não se preocupe! Te damos uma dica: ela fica na fachada de uma casa nas ruas da vila, mas olhe para cima, pois o local tem 5 metros de altura. Esta arte em baixo relevo remonta ao século XIV e retrata um traidor que, por dois mil florins, abriu as portas da cidade aos inimigos florentinos.

2) O que fazer em um dia em Monticchiello? VISITE O CASSERO

Visite também o Cassero para admirar suas paredes. O antigo sistema de fortificações fazia parte da Rocca, que foi construída em 1260. Hoje podemos ver somente a torre com suas paredes inclinadas, mas as paredes preservadas foram intercaladas com torres de vários tamanhos e, sete delas, ainda estão intactas; é possível ver também a porta de entrada e seu belo arco.

3) O que fazer em um dia em Monticchiello? VISITE A IGREJA DOS SANTOS LEONARDO E CRISTÓVÃO

Imperdível também é a Igreja dos Santos Leonardo e Cristovão. A igreja é o monumento mais notável de Monticchiello e foi erguida no século XII, na parte mais alta da cidade, em um terreno inclinado. Com uma plante em T, ela é dedicada a São Leonardo de Limoges. No que se refere à antiga Igreja de Monticchiello, podemos dizer que, embora prevaleçam elementos derivados da arte cisterciense, ela também mantém o seu design tipicamente italiano, não só pela convivência das formas tradicionais do românico, mas também pela forma como eram. As formas exóticas atraem nossos olhos como verdadeiros imãs! É um conjunto muito bonito. A Igreja também é enriquecida por uma grande obra-prima pictórica localizada na capela à direita do transepto: Nossa Senhora com Jesus, obra de Pietro Lorenzetti, datada de 1325.

4) O que fazer em um dia em Monticchiello? VISITE O TEATRO POBRE

Chegamos, finalmente, ao ponto mais famoso de Monticchiello: o Teatro Pobre. A experiência teatral é um componente intimamente ligado à vida e à história da cidade e representa um respiro fora da vida burguesa, com percepções sobre os eventos atuais e diários na vida das pessoas que não pertenciam à alta classe, apresentando a vida camponesa. É um ‘teatro-vida’ escrito pelos próprios personagens, ou seja, pelo povo de Monticchiello.

O Teatro Pobre de Monticchiello é um projeto social e cultural nascido nos anos 60, período de profunda crise para a cidade. Com a saída de diversos cidadãos da cidade, quem permaneceu em Monticchiello, tentou reconstruir sua existência agregou a arte teatral em sua rotina.  O que faz dele único é sua metodologia de construção dramatúrgica e sua encenação conta com a maior parte dos habitantes da aldeia. Em 2000 o Teatro foi reconhecido como Patrimônio da Humanidade. Visitas com reserva. Para maiores informações e para reservas, clique aqui!

5) O que fazer em um dia em Monticchiello? CONHEÇA A VINÍCOLA CAPITONI MARCO

Faça uma visita na vinícola Capitoni Marco, em Pienza. Sua simplicidade e atendimento gentil, a vinícola oferece excelentes vinhos para degustação e compra. É uma empresa familiar e recebe seus visitantes como se fossem verdadeiros amigos! Uma delícia! Para fazer reserva para degustação, você pode clicar aqui!


Mapa de Monticchiello

O que fazer em um dia em Monticchiello?


Um pouco da história de Monticchiello

Vamos começar com um pouco de história, afinal, é sempre interessante conhecermos um pouco da história do nosso destino escolhido e, muitas delas, são incríveis! Bom, o primeiro documento oficial onde encontramos registros de Monticchiello data de 973. O documento diz que o Marquês Lamberto Aldobrandeschi passa a cidade em penhor ao padre Ropprando da Badia Amiatina; o lugar? Monticlu ou Munticlo. Embora a cidade tenha sido mencionada com outro nome nos documentos de Amiata, dos anos 775-860, os nomes correspondem a Monticchiello, pois se refere à localidade de Montecchio, ao norte de Montelaterone.

Até ao século XIII…

Até ao século XIII, porém, a história deste importante castelo, sede da igreja batismal de S. Leonardo, permanece quase completamente desconhecida. O que se sabe, de fato, é que em 1156 o conde Paltonieri di Forteguerra o doou ao Papa Adriano IV, que mais tarde o devolveu ao conde. Mais tarde, dizem que o castelo foi cedido pela Sé apostólica à Ordem dos Cavaleiros Teutônicos, enquanto o domínio real foi exercido por uma aristocracia local de Lombardi. Por volta de 1175, começa a surgir no meio da história a tal da ‘política’ e o Município de Siena passa a exercer poder sobre Monticchiello. Esse poder deu-se em 1208, como indica uma cláusula do acordo de paz assinado entre sinienses e florentinos e o fato de Monticchiello ter cobrado um imposto altíssimo para o financiamento da dívida pública de Siena.

Em 1220…

Em 1220 o “Povo” do castelo (cerca de oitenta chefes de família) contatou o prefeito de Siena para resolver o assunto com os lombardos; após muitos protestos inúteis dos cavaleiros teutônicos, e do papa, pela aquisição de Monticchiello pelos sinienses, a soberania de Siena sobre Monticchiello firmou-se com uma guerra, que aconteceu entre 1229-1235; em tempo: em junho de 1233, os cônsules de Monticchiello juraram capítulos de aliança ao prefeito de Siena e proibiram que qualquer mulher ou criança de Montepulciano pudessem “residir no castelo (…) já que fugiram quando aquele castelo foi conquistado e destruído “.

Durante a guerra

Durante a guerra, Monticchiello foi devastada e nas negociações de paz, em 1235, Siena pediu uma compensação. Ao longo do século XII, as autoridades de Siena intervieram para resolver as recorrentes disputas fronteiriças entre os municípios de Monticchiello e Montepulciano. Monticchiello foi, com Montefollonico, a pedra angular da organização militar de Siena na fronteira oriental do campo: datam de 1250 as decisões da cidade para a reconstrução das muralhas e para a construção da torre. No ano de 1265 Monticchiello foi designado castelo fronteiriço e durante os anos de crise do governo gibelino de Siena, Monticchiello e Montefollonico foram ocupadas pelo líder guelfo Donosdeo Tolomei.

A República restabelecida…

Com a autoridade da República restabelecida, Monticchiello tinha um cidadão no comando da fortaleza e de sua guarnição, mas em meados de 1300 a torre foi entregue diretamente à comunidade de Monticchiello para custódia em nome da República. Depois de ter sofrido na segunda metade do século XIV, como tantas comunidades do Val d’Orcia, Monticchiello foi ocupada no final do século pelos florentinos e os Montepulcianesi que estavam em guerra contra Siena e os Visconti. Os soldados de Montepulciano cometeram atos de violência e devastaram a cidade. Após esse período, Monticchiello retornou ao domínio de Siena com a paz de Veneza, em 1401.

Em 1442…

Em 1442 Monticchiello era agora um importante centro agrícola, com uma classe dominante de proprietários locais médios e abastados além de uma organização estatal e financeira articulada e em expansão. A paz durou até 1502, quando o castelo foi conquistado por Cesare Borgia, e a guarnição da cidade foi morta. Em 3 de abril de 1559, a guerra terminou com a paz de Chateau Cambresis, as tropas francesas abandonaram a Toscana e todas as fortalezas do Val d’Orcia se renderam aos Médici. Monticchiello foi um dos últimos castelos a ser entregue ao duque Cosimo, o que foi feito em 15 de agosto de 1559. Finalmente, em 6 de abril de 1944 acontece em Monticchiello um “fato das armas”, que entrou na história da Resistência como a “Batalha de Monticchiello”: um grupo de setenta guerrilheiros rejeitou e pôs em fuga 450 soldados da guarda republicana. Após tudo isso, deu-se em paz em Monticchiello e, assim, a cidade permanece até hoje.


Assista esse vídeo e saiba: Fazer uma viagem perfeita para Itália? Como funciona a consultoria da Ana Patrícia? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

O que fazer em um dia em Monticchiello? Monticchiello é o tipo de cidade que, se não soubéssemos que ela existe, passaria batida por nossos olhos, mas sabendo que ela existe e conhecendo sua história cheia de superações: merece uma visita! E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!