O que visitar em Milão em dois dias?

Milão apresenta muitos pontos de interesse, mas se você tem pouco tempo, veja o nosso roteiro de dois dias feito especialmente para você leitor!

0 8.340

O que visitar em Milão em dois dias?

Milão é uma cidade belíssima! É uma cidade que mescla tradição com modernidade de forma única! Capital da moda, Milão pode ser visitada em dois dias com muita tranquilidade! O grande trunfo da cidade é que suas principais atrações estão bem perto uma da outra. Então vamos ao nosso post: O que visitar em Milão em dois dias?Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itáliavocê realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Se você acha que tem muito para conhecer da Itália e não quer pensar em muitos detalhes para organizar essa viagem, leia após as Conclusões: “E agora quem poderá me AJUDAR?”


Assista esse vídeo e saiba: Quais são os bilhetes que preciso comprar com antecedência na Itália? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


1) O que visitar em Milão em dois dias? PRIMEIRO DIA!

Em nosso primeiro dia não podemos deixar de visitar um dos pontos turísticos mais importantes de Milão. Nosso ponto de partida será pelo impressionante Duomo.

O Duomo

O cartão postal da cidade é fácil de acessar e é uma maravilha em arquitetura gótica. Com suas dimensões colossais, a Catedral tem 157 metros de comprimento e 11.700 metros quadrados!) é uma das maiores catedrais católicas do mundo. Em seu topo é possível observar a Madonnina, uma imagem em cobre dourado de Nossa Senhora. Foi esculpida em 1774 por Giuseppe Perego e se tornou símbolo da cidade. Imperdível é visitar o amplo e magnífico terraço! A vista é de tirar o fôlego e é, realmente, uma experiência única! Leia também Onde fazer compras em Milão?

Galleria Vittorio Emanuele II

Ao sair do Duomo, à sua direita, siga para a Galleria Vittorio Emanuele II. Criada para servir de conexão entra e Piazza Duomo com o nosso próximo destino, o Teatro Alla Scala, a Galleria é cheia de luxo e detalhes incríveis e foi considerada o primeiro shopping europeu. É ali que fica o icônico “Touro da Sorte“. É, na verdade, um mosaico com o brasão da família Savoia. Diz a lenda que se você dar uma volta completa em cima do desenho, com o pé direito, terá muita sorte! Não custa tentar, não é?

Teatro Alla Scala

Depois de atravessá-la, chegamos ao incrível Teatro Alla Scala! Um dos teatros mais icônicos da Itália apresenta uma fachada sóbria, mas seu interior parece uma obra de arte. O Teatro já recebeu espetáculos renomados, três dos mais importantes tiveram sua grande estreia naquele palco: Otello e Nabucco de Verdi, além de Madame Buterfly, de Giacomo Puccini. Há também um museu, onde é possível conhecer melhor a história desse Teatro tão importante para a arte europeia. Vale o passeio!

O que visitar em Milão em dois dias?
Teatro Alla Scala

Palazzo della Regione e o Castelo Sforzesco

Saindo dali siga para a Piazza Mercanti, que é onde fica o belo e imponente Palazzo della Regione.  Seguindo pela Via Mercanti, você chega até a Via Dante, de onde já é possível avistar o maravilhoso Castelo Sforzesco. Com 10 minutos da caminhada você chega a esse exemplar único de Fortaleza instalada no meio da cidade. Erguido durante o século XIV, ele também foi um Palácio Ducal e foi quase todo destruído 1801. Na metade do século XIX ele foi quase demolido para a construção de um luxuoso bairro, mas seu valor histórico e cultural levou vantagem e, após uma longa restauração, hoje ele abriga diversos museus.

O que visitar em Milão em dois dias?
Castelo Sforzesco

Onde almoçar nesse dia?

Para o almoço, uma parada estratégica ali perto e, depois siga para o Parque Sempione. Saindo pela parte de trás do Parque é possível conhecer o Arco da Paz, (na Piazza Sempione) que lembra o Arco do Triunfo de Paris! É belíssimo!  Leia também Onde comer bem pagando pouco em Milão?

O que visitar em Milão em dois dias?
Parque Sempione – Milão

A última Ceia de Leonardo Da Vinci

Saindo dali, você pode ir conhecer a obra A Última Ceia de Leonardo Da Vinci (Cenacolo Vinciano). que fica ali na Piazza di Santa Maria delle Grazie. Lembre-se de comprar o ingresso antecipadamente, O.K.?! É uma das atrações mais visitadas e as filas são bem chatinhas!

Dica
MAPA COM A CAMINHADA DO NOSSO PRIMEIRO DIA EM MILÃO
O que visitar em Milão em dois dias?
O que visitar em Milão em dois dias? Primeiro dia!

Depois disso, dê mais uma volta a pé pela cidade, tome um aperitivo, siga para o jantar e depois, cama! O dia seguinte também será cheio! 😉

2) O que visitar em Milão em dois dias? SEGUNDO DIA!

Depois de um café da manhã bem relaxado, que tal começar o dia com o famoso Quadrilátero da Moda?

Quadrilátero da Moda e a Pinacoteca di Brera

O Quadrilátero é chamado assim, pois as quatro ruas que formam o quarteirão são RECHEADAS de marcas famosas! As Via Montenapoleone e Via della Spiga são as mais importantes e é onde ficam as lojas mais celebradas pelo mundo da moda. De lá, siga para a Pinacoteca di Brera, que abriga obras de arte de valor inestimáveis e belíssimas!

O que visitar em Milão em dois dias?
Lojas em Milão

Cemitério Monumental

Com 20 minutos de caminhada (sempre observando as belas construções milanesas, claro, e, quem sabe, tomando um “gelato” pelo caminho!), chega-se ao Cemitério Monumental que, como o próprio nome já diz, é um conjunto de monumentos a céu aberto! As obras que decoram os túmulos são feitas de mármore, cobre entre outros materiais nobres e fica difícil escolher a mais bonita: são todas grandiosas e de belezas únicas! É um lugar que merece uma visita!

Museu do Perfume

Seguindo o passeio, que tal uma passada em um ponto que poucos turistas dão atenção: o Museu do Perfume. Não é um museu nem grande e nem famoso, mas é muito interessante! Uma ideia diferente de passeio. Com a tarde livre, é hora de dar mais uma passeada por essa cidade tão cheia de encantos.

MAPA COM A CAMINHADA DO NOSSO SEGUNDO DIA EM MILÃO
O que visitar em Milão em dois dias?
O que visitar em Milão em dois dias? Segundo dia.

La Rinascente

Se quiser visitar outro famoso shopping de Milão, pegue o Metrô na Estação Monumentale e siga para a Estação Duomo. Dali, numa breve caminhada, você chega até La Rinascente, que é um dos melhores shoppings italianos.

Dicas
  • Um bairro imperdível em Milão é Navigli. Se você quiser um itinerário alternativo ao itinerário citado no segundo dia, essa é uma ótima opção! O local é conhecido como o bairro dos canais, a pequena Veneza. As ruas ali ficam às margens do Naviglio Grande que é o grande canal que corta o bairro e para chegar até lá, pegue o metrô e desça na estação Porta Gênova. Dali é possível ir a pé até o canal principal passando pela charmosa Via Valenza. É uma excelente opção para um almoço/jantar ou um café da tarde antes de se despedir da belíssima Milão!
  • A porta de entrada do bairro é a estação Metrô:  Porta Genova (linha verde/M2).  A estrada do Navigli foi considerado pelo New York Times uma das 12 estradas mais belas da Europa.
O que visitar em Milão em dois dias?
Navigli

Vai se hospedar em Milão? Então siga nossas dicas exclusivas de Hotéis!!!

Aqui você encontrará gratuitamente indicações de hospedagem para não cair numa furada e não ficar em uma zona distante das atrações na Itália!

A seguir, não deixe de ler nossas dicas e conselhos sobre os bairros de Milão e onde se hospedar. Aqui você encontrará o melhor bairro e o tipo de hospedagem que mais se encaixa no perfil de sua viagem;)

Saiba que reservando dentro do nosso blog através da Booking.com você estará colaborando a manter nosso site e você não pagará nada a mais por isso, pois o serviço de reserva é GRATUITO. Ou seja, sem taxas de reservas ou administrativas, e as reservas podem ser canceladas Gratuitamente.

Hospedagens que aconselho nas Regiões de Malpensa e Linate

Vamos começar pelas regiões de Malpensa e Linate, as zonas aeroportuárias da cidade. Linate e Malpensa ficam perto dos dois principais aeroportos de Milão. Ideal para breves estadias e viagens a trabalho e se você estiver com carro.

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho na Região do Duomo

Uma das regiões mais encantadoras é a do Domo, catedral e símbolo da cidade, esta região é perfeita também para quem ama as cafeterias tradicionais, os bares da moda ou para quem sempre procura as novidades e segue as tendências. A região da Praça Duomo é equipada com duas linhas do metrô, que fazem com que esta região seja ainda mais prática para quem se hospeda na cidade.

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho na Região do Centro Histórico

Outra região para se levar em consideração é o Centro Histórico de Milão, um emaranhado de ruas encantadoras. O chamado “quadrilátero da moda”, o lugar ideal para se fazer compras em Milão, com suas famosas ruas: Montenapoleone, Manzoni, via della Spiga e corso Venezia (e as travessas Santo Spirito, Gesù e Borgospesso). Dentro dessa zona podemos também considerar a Zona Brera que é uma outra zona maravilhosa para se hospedar.

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho na Região de Brera

O bairro de Brera é famoso pelas suas butiques da alta moda, pelas exclusivas galerias de arte e pelos bares da moda – fica ao norte da Praça Domo. As ruazinhas características são convidativas para um passeio sem destino. A principal atração é a Pinacoteca de Brera, onde estão expostas obras de arte de valor inestimável – entre elas, as obras-primas de Raffaello e Mantegna. É na região sudeste de Brera que fica o “quadrilátero da moda”. A região é frequentada por VIPs e socialites que gastam horrores nas butiques de marcas como Armani, Valentino e Versace, nos arredores do elegante “Montenapo” (como os milaneses chamam carinhosamente a rua Montenapoleone).

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho na Região de Navigli

Também, o encantador bairro Navigli é uma região bem enérgica, que nos últimos anos tem se desenvolvido bastante. A região “bomba” de bares, cervejarias, restaurantes, padarias e pizzarias e abriga uma das feiras de antiguidade mais aclamadas do Norte da Itália. A agitada vida noturna, as típicas galerias de arte e as ruazinhas características fazem desta região uma ótima escolha para quem deseja se hospedar em Milão e para quem adora curtir a vida noturna.

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Hospedagens que aconselho na Região da Estação Central

Outra região de grande concentração de hotéis é a da Estação Central, principalmente se você vier de trem. Nesta região há várias estruturas receptivas e o melhor: para todos os bolsos.  Melhor região para quem pretende fazer bate-voltas a partir de Milão.

Se quiser algumas indicações de pousadas e apartamentos, tenho algumas opções que aconselho para economizar, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)

Se preferir hotéis, tenho algumas opções que aconselho com ótimo custo benefício, clique nos links abaixo e conheça cada um. Se gostar da sugestão já faça sua reserva e garanta bons preços;)


Assista esse vídeo e saiba: Como comprar o bilhete da Última Ceia de Leonardo da Vinci? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Como pudemos observar Milão é uma cidade bem fácil de conhecer e a melhor opção é fazendo ótimas caminhadas! E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!