O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas?

Roteiros para um, dois ou três dias de passeios na famosa cadeia montanhosa italiana! Aqui você poderá planejar o melhor da sua viagem para poucos dias nas Dolomitas.

0 7.431

O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas?

Olá! Bem vindos mais uma vez! : ) Hoje vamos falar das Dolomitas, mas, afinal, o que são as dolomitas? Bem, as Dolomitas (Dolomiti em italiano), formam a cadeia montanhosa dos Alpes Orientais ao Norte da Itália e são Patrimônio Mundial da UNESCO. Sua parte mais relevante fica na província de Belluno, principalmente em Bolzano, Trento, Udine e Pordenone. Vamos ao nosso post do dia: O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

melhor opção para se conhecer as Dolomitas é, sem dúvida, de carro alugado (pode-se inclusive, fazer um bate e volta em Veneza, que fica a duas horas dali!) As Dolomitas fazem fronteira com a Áustria e, ao contrário do que muitos pensam, é atração o ano todo. Leia também VIAJANDO DE CARRO NA ITÁLIA: EXEMPLOS DE ROTEIROSSe for alugar um carro não deixe de ler nossos posts na sessão Dirigindo na Itália no blog Viajando para Itália. Além de dicas de roteiro de carro, temos tudo sobre sinalizações, pedágios, estradas e muitos mais dicas.

Quando ir até lá?

Bem, depende do seu gosto pessoal: Primavera as montanhas ainda estão cobertas pela neve então, em alguns pontos, é possível esquiar. No Verão, os dias são mais claros, sem tanta neblina e névoa e é possível observar as montanhas com mais detalhes, a temperatura é quase sempre amena, devido a sua altitude e por serem imersas no verde e, no inverno, sugiro que você vá caso queira esquiar e brincar na neve, é frio! Bem frio! Portanto, agasalhe-se! A região tem 980 km de pistas de esqui e todas ficam lotadas! Leia também Qual o melhor período para viajar para a Itália?

Nosso Ponto de Partida

Hoje, vamos apresentar a vocês um roteiro de dois e três dias considerando que você esteja hospedado em Cortina D’Ampezzo. O terceiro dia será opcional, você pode escolher em fazer um roteiro de 02 ou 03 dias conforme seu tempo nessa região. Partindo de Cortina, pegue a estrada SR48 e siga as indicações para as Dolomiti, a viagem dura, mais ou menos 1h20 e o caminho é muito tranquilo. Nota: No inverno, algumas estradas podem ficar fechadas por causa da neve e do mau tempo! Informe-se na recepção do hotel sobre as condições das estradas e solicite um mapa, vai te ajudar muito!).


Assista a esse vídeo e conheça mais sobre as Dolomitas


1) O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas? PRIMEIRO DIA

Quando chegar a Cortina D’Ampezzo, depois de se instalar devidamente, visite o teleférico Faloria (caso o clima coopere!) e suba seus 2.000 metros! De lá se pode ver a cidade e as montanhas imponentes que a rodeia. Siga viagem até o lago natural Misurina; o caminho entre as cidades é bem sinuoso e os paredões rochosos são um espetáculo a parte. O mais alto é o Tre Cime di Lavaredo, a 3 mil metros de altura. Depois de uma pausa para o almoço, prossiga até o Lago Auronzo. Não é natural, mas é de uma beleza que faz valer a visita. Saiba aqui Onde se Hospedar nas Dolomitas?

Dica

  • Tente chegar cedo a Cortina D’Ampezzo e faça todos os trajetos com calma. As estradas, apesar de muito bem conservadas, são cheias de curva e requerem cuidado ao serem percorridas. Se você curte caminhada, sugiro esse passeio em Cortina: caminhada privada de dia inteiro pelas Dolomitas!

2) O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas? SEGUNDO DIA

Pegue o carro cedo e vá visitar Val Gardena, que é uma pequena cidade rodeada por montanhas, é considerada a cidade mais montanhosa da região e parece ter saído de um livro! Dê uma volta no centro histórico, tome um café e siga viagem! Depois vamos para Ortisei, ali ficam dois locais famosos para os amantes do esqui: Dolomiti Superski e Sella Ronda. Caso você vá até lá nos meses mais quentes do ano, não se preocupe! Mesmo sem toda a neve que a cerca no inverno, a cidade não perde a beleza!

O Teleférico

Faça um passeio fantástico subindo pelo teleférico Funivie Ortisei – Alpe di Siusi! O ponto alto do passeio! O Alpe di Siusi é o mais visitado da região e a paisagem é INIGUALÁVEL! Ali ficam dispostas algumas espreguiçadeiras, com vista para as montanhas, que nos fazem esquecer completamente de todo o resto que existe no mundo!

Informações Úteis

O teleférico custa 18,50 (ida e volta por pessoa). Outra opção para se ter uma vista incrível é o teleférico Funivie Seceda SpaDe lá é possível ver as montanhas do Trentino, Lombardia e Áustria; fica aos pés do Parque Natural Cisles-odle e é possível ver a ‘pérola’ da região, a montanha Marmolada. Uma vez ali você pode optar por passar o resto do dia por ali ou almoçar e seguir para Santa Cristina. Uma das menores cidades da região tem apenas 1.900 habitantes e uma altitude de 1.430 metros! É LINDA! Visite uma das construções do século XII, a Igreja de Santa Maria de Bolsena.

Vá ao centro da cidade e visite o Trilho de Val Gardena, assim conhecido pois era onde passava o trem que fazia o trajeto entre as cidades. Seguindo em frente, de carro, chega-se a Selva, com sua altitude de 1.563 metros fica aos pés de Sassolungo, o coração das Dolomitas, sendo um dos conjuntos mais impressionantes de montanhas! Hora de voltar para ‘casa’! Agora é hora de um bom jantar e um intenso descanso para seu retorno deste lugar incrível!

3) O que fazer em dois ou três dias nas Dolomitas? TERCEIRO DIA

No terceiro dia, caso você tenha optado por ficar em Cortina mais um dia, pegue o carro e siga até Passo Tre Croci. Ali é preciso estacionar e seguir a pé, mas a visão magnífica do Lago Sorapis vale cada músculo trabalhado! Coloque um sapato bem confortável, pois a caminhada dura duas horas, O.K.? De lá siga até o Rifugio Col Gallina. A vista, como em todas as cidades ali, é digna de filme! Ah: sabe aqueles quartos que vimos no Pinterest, ou em diversas redes sociais, que mostra um cômodo rodeado de vidro? Sabe aqueles que nos dá a visão de toda a paisagem? Então… Ali tem um hotel assim! Quer saber mais? Clique aqui! De lá prossiga para Passo Giau, cerca de meia hora dali. No caminho ficam alguns ‘restos de construções’ belíssimos. Faça uma parada para algumas fotos rápidas, o lugar merece! Conheça também Os lagos mais lindos das Dolomitas!


Assista esse vídeo e saiba: Dicas de como preparar a mala para viajar para Itália no inverno? Se inscreva em nosso canal e recebe mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)



Conclusão

As dolomitas são encantadoras e dois ou três dias não rendem justiça às várias cidadezinhas espalhadas por elas! Não estranhe se, depois que você for embora, seu coração te diga para largar tudo e ir viver ali: o sentimento é mais normal do que você imagina! E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!


para sua viagem perfeita!

CONSULTORIA

Guias 100% customizados e dentro de seu orçamento!

Planejamento de Viagem

MINICURSO

Apenas para inscritos em nossa newsletter!

 

Aproveite melhor suas férias! Aprenda a planejar com segurança e eficiência sua viagem pela Itália. Curso grátis!