Vamos conhecer Taranto na região da Puglia?

Uma cidade pouco procurada por turistas brasileiros, Taranto é o tipo de cidade que, pelo menos uma vez na vida, merece uma visita. Aqui você encontrará a história, dicas e informações úteis para você colocar no seu roteiro de viagem.

0 1.354

Vamos conhecer Taranto na região da Puglia?

Taranto é uma pequena joia na Puglia e encanta por sua história e beleza. Com quase 196 mil habitantes, Taranto foi fundada pelos espartanos no século VIII a.C. e se chamava Taras. Hoje vamos conhecer Taranto na região da Puglia? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

Taranto é uma cidade com uma alma que mescla antiguidade e modernidade de uma maneira única, cheia de magia. A “linha divisória” dessas duas histórias é a ponte que divide a antiga vila, do século XIX, da nova Taranto, que une uma arquitetura moderna com uma de vanguarda de maneira muito elegante e harmoniosa. Taranto é também conhecida como a “cidade dos dois mares”, isso porque, devido à sua excelente posição geográfica, ela é banhada pelos chamados Mar Grande e o Mar Piccolo. Com seus 140, impressionantes, quilômetros de costa, Taranto vai além de praia e mar.

1) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE O CASTELO ARAGONÊS

Impossível não começar a visita sem ser na Antiga cidade de Taranto, um verdadeiro antro de arte e beleza que, até hoje, conserva traços importantes de seu passado antigo e importante. Aqui você encontra o incrível Castelo Aragonês, na charmosa Piazza Castello. Também chamado Castel Sant’Angelo, o Castelo Aragonês de Taranto fica no extremo da ilha, no coração do centro históricoDica: não tenha medo de se perder pelas estreitas, e lindas, ruas do centro histórico. Aqui você encontra um emaranhado de vielas e espaços abertos e se depara com palácios incríveis, igrejas maravilhosas e detalhes cheios de charme.

Sobre o Castelo

O Castelo é uma fortaleza com planta retangular, erguida na época do domínio bizantino, por volta de 900 d.C.. Seu objetivo era, claro, se defender dos ataques de venezianos e siracusanos: originalmente a fortaleza incluía torres altas e esbeltas das quais era possível combater os inimigos com flechas, pedras e óleo quente. Já no final dos anos 1400, o então soberano católico Fernando de Aragão II, ampliou o castelo e o modificado para dar a ele sua atual aparência: foram incluídas sete torres e o Rivellino, a torre separada da parte restante da estrutura. A estratégia era facilitar a saída de forma segura caso o castelo fosse cercado e atacado por inimigos.

Informações Úteis para visitar o Castelo

  • Horários: todos os dias, das 09h30 às 11h30; das 14h00 às 18h00 e das 20h00 às 01h30 da manhã.
  • Entrada grátis.

2) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE O DUOMO DE TARANTO

Parada obrigatória é na Catedral de San Cataldo, a mais antiga da região da Puglia. Na Catedral, de origem medieval, ficam os restos mortais de San Cataldo e é o Duomo de Taranto. Construída em meados do século X, a Catedral foi construída sobre as ruínas de um edifício religioso pré-existente, provavelmente de dois séculos antes. O edifício, no geral, é uma soma dos elementos pertencentes a diferentes épocas: o desenho bizantino original conta com elementos mais modernos por causa de uma reestruturação do início do século XI; enquanto em 1700, foi feita a fachada barroca.

Infelizmente, a antiga torre sineira normanda não resistiu ao tempo e não nos deixa ver nenhum vestígio de que ela esteve ali: o que havia sobrado dela, foi destruído em 1450 devido a um forte terremoto! Dentro da igreja tem três naves (uma central e duas laterais) e nos oferece uma beleza única! A igreja está sem aberta e as missas acontecem de segunda a sexta, às 18h30, nos feriados, às 10h00 ou às 18h30.

3) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE O TEMPLO DE POSEIDON E A PONTE GIRATÓRIA

Taranto também foi a capital da Magna Grécia, por isso, restos de seu passado antigo ainda são visíveis. Um exemplo dessa história incrível é o Templo de Poseidon. Esse templo foi erguido antes ainda de Siracusa, e impressiona!

Deixemos para trás a parte antiga da cidade e sigamos para a parte nova, a parte mais moderna de uma cidade cheia de história! Vamos para a Ponte Giratória de Taranto. É essa ponte, com seus 90 metros, que marca a “fronteira” e que, de forma linda, une o “passado com o presente”, ou seja, a cidade antiga com a nova. A ponte é uma grandiosa estrutura toda feita em aço, e fica localizada em um canal navegável que une o Pequeno e o Grande Mar.

4) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE O MUSEU ARQUEOLÓGICO

Se você quiser conhecer mais a fundo a história da cidade, não deixe de visitar o Museu Arqueológico de Taranto, o MARTA, que fica no antigo Convento dos Frades Alcantarini. Com itens bem cuidados, abriga uma coleção que, ao longo dos corredores, conta a história da cidade de uma maneira linda e detalhada. Além do mais oferece uma linha do tempo muito interessante que conta um pouco da história da humanidade.

Informações Úteis para visitar o Museu

  • Horários: de segunda a sábado, das 08h30 às 19h30. Domingo, das 09h00 às 13h00 e das 15h30 às 19h30.
  • Valor do ingresso: 8 euros.

5) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE A IGREJA DE SAN FRANCESCO E O CALÇADÃO

Dali, siga para a famosa Via Cavour. É nessa rua, no número 51, que você encontrará a linda, e pequena, Igreja de San Francesco da Paola al Borgo: essa igreja fica meio “escondida” e são poucas as pessoas que prestam atenção nessa pequena joia, mas ela é de uma beleza que une simplicidade e elegância de maneira impressionante.

Daqui, você pode seguir para o belíssimo Calçadão Vittorio Emanuele III. Com uma belíssima vista, aqui você encontra uma excelente turística. Caminhando ao longo da costa, você pode ir até a Piazza Ebalia e alongar o passeio até os Jardins do Calçadão.

6) Vamos conhecer Taranto na região da Puglia? VISITE O IPOGEO

Retornando em direção à estação de trem, faça uma parada Ipogeo, na Via Cava, 99. Um dos pontos mais interessantes da cidade é, sem dúvida, esse local! É composto por dois quartos grandes, sendo o primeiro deles localizado a cerca de dois metros abaixo do térreo. Na parede da frente, esculpida na rocha, existem impressionantes cortes em pedreiras que datam da era grega. Este primeiro ambiente está conectado, através de uma série de arcos, a um segundo salão, um pouco menor, ao sul. Aqui, depois de análises de pesquisadores, descobriam que as paredes da estrutura foram construídas entre a Idade Média e o século XVIII. Há muita história nesse lugar e vale, DEMAIS, uma visita!

Informações Úteis para Visita

  • Quando? Aos domingos há visitada guiada às 11h00
  • Valor do ingresso: 5 euros.

Onde comer em Taranto?

Vamos fechar com chave de ouro? Veja minhas dicas para você comer em Taranto.

Mena Mena Me

  • Especialista em frutos do mar, oferece pratos com excelentes porções e sabores incríveis!
  • Onde fica: Via Di Mezzo | Atrás da Igreja S. Giuseppe, 74123 – Taranto, Itália.
  • Horários: de terça a sábado, das 13h00 às 14h30 e das 20h30 às 00h00.

Rosso Piccante

  • Com pizzas muito saborosas, fica perto da Ponte que une a cidade antiga com a cidade nova e oferece ótimas opções em seu cardápio.
  • Onde fica: Via Giacomo Matteotti 26 | perto da Ponte Girevole, 74123 – Taranto, Itália.
  • Horários: de terça a domingo, das 12h00 às 14h00 e das 18h00 às 23h30.

Como chegar a Taranto?


1) Como chegar a Taranto? DE AVIÃO

Aeroportos mais próximos: Bari – 100 km; Brindisi – 75 km.

2) Como chegar a Taranto? DE ÔNIBUS

Há conexões diretas gerenciadas pela Autolinee Marozzi de Roma, Siena, Pisa, Florença; já a Autolinee Marino opera os trechos de Milão, Bolonha, Rimini, Turim, Parma, Assis, etc.

3) Como chegar a Taranto? DE TREM

A estação fica no Viale duca d’Aosta, na saída da qual há o ponto de ônibus da cidade de Amat Taranto para depois se mudar para a cidade. Para obter informações sobre horários de trens, visite o site da Trenitalia. Em Taranto e nas outras cidades da Apúlia, existem também os serviços das ferrovias do sudeste.

Você sabia que a Trenitalia é a principal sociedade italiana destinada à gestão do transporte ferroviário. Saiba aqui “Qual é a diferença dos trens na Itália?“. Compre sua passagem online com antecedência e economize muito, leia o Post “Como comprar uma passagem de trem na Itália?“.

4) Como chegar a Taranto? DE CARRO

De Turim, Milão ou Bolonha, é recomendável utilizar a linha Adriática: a rodovia A1 de Milão a Bolonha e depois a A14 Bolonha – Taranto; se vier do lado tirreno, recomendamos pegar a A1 Milão – Nápoles, e seguir para A30 para a conexão Caserta Salerno; Chegando em Nola, siga pela A16 em direção a Bari e, em Canosa, utilize a A14 Bologna – Taranto. Para quem vem do sul, utilize a SS106 Reggio Calabria – Taranto ou, vindo do cinturão tirreno, boa opção é a A3 Salerno – Reggio Calabria a partir da qual deve-se sair em Sibari e, em seguida, seguir pela SS106 para Taranto. Leia também VIAJANDO DE CARRO NA ITÁLIA: EXEMPLOS DE ROTEIROS

Se for alugar um carro não deixe de ler nossos posts na seção Dirigindo na Itália no blog Viajando para Itália. Além de dicas de roteiro de carro, temos tudo sobre sinalizações, pedágios, estradas e muitos mais dicas.

Vai viajar pela Itália de carro?

Não sabe onde alugar o carro? Nós temos um parceiro que pode te ajudar: Rent Cars! Já pensou em alugar um carro na Itália, sem sair de casa, com atendimento em português, pagando em Real, sem cobrança de IOF e ainda poder parcelar em 12x sem juros no cartão? E que tal um desconto de 5% para pagamento à vista? Gostou da idéia? Então clique no banner abaixo Pesquise, compare e escolha! : )

Importante Saber

Se for dirigir na Itália é imprescindível a carteira internacional ou a sua CNH do Brasil com tradução juramentada, O.K.? Se não possuir, não dirija, pois você terá muitos problemas caso seja parado pela polícia italiana! LEIA O POST PRECISO DE CARTEIRA INTERNACIONAL PARA DIRIGIR NA ITÁLIA (PID)?

Um pouco da História de Taranto

Taranto é uma colônia espartana, do final do século VIII aC. que, rapidamente, a transformou em uma cidade grega, não só: era a cidade grega mais poderosa do sul da Itália e, por isso, vivia em constante conflito outros povos, além de constantes atritos com a República Romana. Há, porém, um mito sobre o surgimento de Taranto, que conta que tudo começou em um período que antecede o advento de Cristo por dois milênios, quando Taras, filho de Poseidon, navegou com sua própria frota as águas de um rio que levaria seu nome, o Rio Tara; nessas mesmas águas, Taras desapareceu na área onde, hoje, fica a cidade de Taranto.

 A lenda ainda diz que Taras fundou um assentamento dedicado a sua esposa, Satureia, e que ele chamou o local de Saturo, que ainda existe e fica a poucos quilômetros de Taranto. Em apoio a esses mitos, deve-se lembrar de que a cidade de Taranto tinha entre seus principais cultos o do deus Poseidon, testemunhando até hoje por suas colunas, em estilo dórico, nos restos de um templo dedicado ao deus do mar.


Assista esse vídeo e saiba: Quanto custa viajar de carro na Itália? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Taranto merece uma visita carinhosa, se possível sem pressa. Abriga verdadeiros tesouros históricos e belezas únicas! E se mesmo assim você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem;)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!