Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio!

Hoje apresento a vocês uma pequena cidade com 3.000 anos de história: Tarquinia, na província de Viterbo, no Lazio.

0 135

Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio.

Tarquinia, no Lazio, é uma antiga cidade etrusca que se apresenta de forma elegante, mas simples, mesclando diversos períodos históricos. A cidade nos oferece uma viagem no tempo onde podemos descobrir torres, igrejas, muralhas medievais, e belezas únicas. Hoje vamos conhecer a fantástica Tarquinia! Vamos lá? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!


Fotos do TripAdvisor


Nossa introdução

Tarquinia, no Lazio, é uma pequena cidade com pouco mais de 16.000 habitantes e, de carro, fica a apenas uma hora e meia de Roma. Com seus valiosos monumentos e museus, recebe seus visitantes com elegância, mas sem perder a simplicidade. Aqui você encontra importantes sítios arqueológicos reconhecidos como patrimônio mundial pela UNESCO e belezas, de fato, impressionantes. Com uma posição geográfica privilegiada, a cidade facilita o acesso de seus visitantes e, sem dúvida, merece uma visita. Veja também: Roteiro de cinco dias de carro pela Lazio.

Sua história…

As origens de Tarquinia não são bem definidas, mas alguns historiadores defendem de que o local foi um bispado desde o século IV. Até o século XIX, a cidade era chamada de Corneto, provavelmente por conta da presença de árvores em forma de cone, ou do mítico rei Corito, fundador da cidade e ancestral de Enéias. Em 1872 a cidade passou a ser chamada de Corneto – Tarquinia e, só em 1922, ficou com um nome só: Tarquinia.

O nome Tarquinia vem do etrusco Tarkna (em latim Tarquinii). Com o passar dos séculos, a cidade viu nascer palácios e igrejas pelas mãos do Estado Papal e dos nobres da época, que tinham uma grande consideração pelo cidadão da cidade; investiram também no comércio: a cidade fica a cerca de dez quilômetros da costa, e ali ficava uma dos principais portos da época, Gravisca, que sempre foi famoso por sua posição estratégica no Mediterrâneo.

A cidade se ergueu e se desenvolveu em uma incrível posição geográfica que dominava o vale de Marta, um emissário do lago Bolsena; o curso d’água garantiu os contatos com o interior e com outras cidades, contribuindo assim para o crescimento econômico, político e social da cidade. O território onde está localizada Tarquinia se estende desde os bosques até as praias ensolaradas da costa do Tirreno. Isso nos oferece atrações durante todas as estações do ano.

1) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! O centro histórico

Vamos começar nosso passeio pelo centro histórico da cidade. A cidade pode ser percorrida tranquilamente a pé. Através de suas ruas, você pode observar incríveis monumentos de diferentes períodos históricos. As muralhas medievais ainda estão perfeitamente preservadas e as torres de Tarquinia se apresentam imponentes.

2) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! A Barreira de San Giusto

Impossível não citarmos a Barreira de San Giusto, do início do século XX. O local nos oferece uma vista panorâmica da costa que encanta até mesmo os olhares mais exigentes. Dentro das muralhas você encontra diversos edifícios históricos. Um dos mais bonitos é o da Câmara Municipal, que abriga a majestosa Sala dos Afrescos, com pinturas que datam dos séculos XVI-XVII.

Ana Patricia Italia - Roteiros PersonalizadosQue tal viajar e economizar ao mesmo tempo?
VIAJE MELHOR E PAGANDO MENOS!

Receba o roteiro ideal para suas férias - ou o seu dinheiro de volta!

Curta mais sua viagem, conheça os segredos de cada cidade, tenha vantagens nos pontos turísticos e locomova-se pela Itália como um nativo.


Quero o meu roteiro!

3) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! Palazzo Vitelleschi e Museu Arqueológico

Outro importante edifício é o Palazzo Vitelleschi do século XV. É aqui que fica um dos museus mais bonitos da Itália: o Museu Arqueológico Etrusco Nacional. O edifício nos apresenta uma fachada magnífica onde podemos observar elementos góticos e renascentistas; isso só atesta a suave mudança de estilo artístico e arquitetônico ocorrida no final do século XV.

Sobre o Museu, uma palavra: imperdível! Ali você encontra três andares com a maior coleção de arte etrusca do mundo. Entre diversos itens há sarcófagos, vasos, pratos, cerâmicas, estátuas, moedas antigas e outras diversas peças. No térreo você encontra em sequência cronológica, os materiais pétreos do museu, o que inclui os sarcófagos com data de meados do séc. IV. Os mais preciosos ficam na sala 10 e são sarcófagos esculpidos em mármore grego pertencentes a algumas das famílias mais proeminentes de Tarquinia. Os destaques ficam para os sarcófagos de Laris e o de Velthur, ambos pertencentes à família Partunus.

Já no primeiro andar, você pode observar um rico acervo de achados do período que vai desde o Villanovan até o período Romano e que documentam a evolução da pintura grega e etrusca. Impossível não citarmos as sepulturas representadas pelo famoso vaso Bocchoris, que data do século VII-VI a.C., bem como os numerosos vasos gregos com figuras negras do século VI a.C. No mesmo andar você encontra uma belíssima seleção de moedas etruscas de bronze e ouro do final do período imperial. Em sua maioria, elas foram encontradas nas escavações da colônia romana da Gravisca; ali também estão algumas joias de ouro feitas com a famosa técnica de granulação e expostas na vitrine do Salão de Festas. No segundo e último andar, você pode aproveitar a bela vista da cidade. É neste andar também que você encontra alguns túmulos pintados com afrescos que foram totalmente preservados e reconstruídos. Se você gosta de museu, história, cultura e arte: não deixe de visitar esse local incrível!

DICA

Os horários de funcionamento do museu sofrem alterações de acordo com as estações do ano. Para comprar ingresso com antecedência e verificar informações de horários de funcionamento, você pode clicar AQUI! – Bom saber… Você pode comprar um ingresso combinado para ter acesso tanto ao museu quanto às Necrópoles.

O Palazzo Bruschi também merece destaque! Com importantes ​​representações pictóricas em seu interior, possui um estilo renascentista, mas remonta ao século XIX. Também não faltam fontes e chafarizes do século XX, que foram erguidos logo após uma reforma no sistema hídrico da cidade.

4) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! As igrejas

Imperdível também são as Igrejas da cidade, lembrando que a maioria delas data, principalmente, do período românico. Merece destaque a igreja de San Martino, que apesar de ter sido reformada por diversas vezes ao longo dos séculos, mantém sua beleza original e é a mais antiga da cidade. Mescla diversos estilos e é de uma beleza que chama a atenção.

Também precisamos citar a belíssima igreja de Santa Maria in Castello, com seu estilo românico e toques de influências dos Alpes, da Lombardia e dos árabes. Essa igreja, inclusive, foi a catedral da cidade até 1435.

Na cidade também são visíveis diversas igrejas em estilo barroco, como a Igreja do Sufrágio e a Capela da Cruz, que, hoje, é utilizada como sede de atividades paroquiais. Existem também sedes conventuais, entre as quais podemos destacar o Convento de São Francisco, que data do final do séc. XIII e início do séc. XIV. O convento é formado por uma igreja gótico-românica, o claustro e um poço renascentista.

Não deixe de visitar a igreja principal da cidade: a Igreja de S. Maria e Margherita. Essa é a catedral da cidade desde 1435 e abriga inúmeros a​​frescos do século XVI que retratam as histórias da Virgem Maria. A Catedral foi construída por volta de 1260, e está muito bem localizada na praça homônima, a poucos passos do Palazzo Vitelleschi.

Foi elevada a Catedral em 5 de dezembro de 1435, e ampliada por ordem do Bispo Bartolomeo Vitelleschi. Foi destruída por um incêndio 1643 e reconstruída logo após o problema. No séc. XIX ela foi reformada em estilo neoclássico e, mais uma vez, ampliada com a adição de nove altares. A fachada possui uma escada e é ladeada, à esquerda, pela torre sineira. Na parte inferior há três portais, e na parte superior, uma janela gradeada ladeada pelas estátuas das Santas. O interior da igreja é dividido em três naves e preserva elementos da estrutura anterior ao incêndio do presbitério, que foram restaurados. Entre as mais belas obras abrigada aqui, você pode admirar os afrescos do coro de Antonio da Viterbo, conhecido como il Pastura, que data do século XVI e, como já citamos, apresenta imagens de Maria.

Para ter acesso ao mapa completo do centro histórico de Tarquinia, você pode acessar este link: MAPA DO CENTRO HISTÓRICO DE TARQUINIA.

5) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! As necrópoles

Impossível falarmos de Tarquinia e não citarmos as Necrópoles Etruscanas de Montrozzi. Visitar este local é entender, de fato, a grandeza, requinte e precisão artística do povo etrusco.

Nessas necrópoles você encontra mais de 200 tumbas pintadas de forma belíssima. Os afrescos das Necrópoles de Monterozzi representam o maior núcleo existente de arte etrusca e é também o documento mais importante de todas as pinturas antigas que surgiram bem antes da era imperial romana. As tumbas de famílias aristocráticas eram sempre decoradas e, normalmente, traziam cenas mágico-religiosas que retratavam momentos felizes que os mortos tiveram em vida, por isso é comum vermos imagens de banquetes, danças, jogos e festas. As cores são sempre brilhantes e harmoniosos e, o conjunto da obra, é esplêndido! Entre as tumbas mais bonitas encontramos: a Tumba dos Leopardos, as Tumba das Leoas, a Tumba do Guerreiro, a Tumba da Caça e da Pesca, a Tumba do Caçador, e a Tumba da Flor de Lótus.

Para acessar o mapa de todas as tumbas, te convido a acessar o link a seguir: MAPA DAS TUMBAS DAS NECRÓPOLES DE TARQUINIA.

DICA

Os horários de funcionamento das necrópoles sofrem alterações de acordo com as estações do ano. Para comprar ingresso com antecedência e verificar informações de horários de funcionamento, você pode clicar AQUI! – Bom saber… você pode comprar um ingresso combinado para ter acesso às Necrópoles e ao Museu Estrusco.

6) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! As torres de Tarquinia

Vamos falar das famosas torres de Tarquinia? A cidade possui uma série de torres imponentes e belíssimas, muitas delas bem preservadas e que nos mostram toda a beleza de uma cidade esplendorosa. As torres da cidade faziam parte do sistema de defesa de Tarquinia. Todas remontam ao período medieval e são verdadeiros tesouros artísticos. As paredes das torres são de silhares dispostos horizontalmente e unidas com cal, areia e pozolana (um tipo de cimento).

No período medieval, cada torre tinha uma função: haviam as destinadas à defesa, outras eram destinadas a serviços e algumas delas torres de observação. Entre as diversas torres, está uma muito especial: a torre conhecida como Matilde di Canossa. Ela foi batizada assim em homenagem à presença da condessa homônima nesta área em 1080. A torre foi totalmente restaurada em 1439 e é ladeada por uma porta fortificada. Outra torre de destaque é a torre Barucci, que data do século XI, e possui uma planta quadrada magnífica.

8) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! O Porto de Gravisca

Após conhecer o melhor de Tarquinia, seguimos para o Porto de Gravisca. Também chamado de Porto Clementino, entre a foz do rio Marta e a Reserva Salina ao sul, encontramos a área arqueológica da Gravisca, um antigo porto etrusco que foi “rebatizado” como Porto Clementino, uma homenagem ao Papa Clemente XIII que o restaurou nos anos 700. Antes da colonização pelos romanos, este porto era muito frequentado por mercadores estrangeiros, principalmente da Ásia Menor.

No extremo sul do centro etrusco foram encontrados diversos vestígios do chamado Santuário Grego da Gravisca. Segundo historiadores, o local foi fundado entre 600 a.C. e em 580 a.C, e o santuário assumiu as funções de empório, ou seja, era um importante centro de trocas comerciais e tinha, também, funções religiosas. Nessa área também ficavam templos em homenagem à Hera, Afrodite e Demeter que, em etrusco, eram Ura, Vei e Tura, respectivamente.

Uma das preciosidades do local é o Kantharos de Exechias, uma valiosa cerâmica ática do século VI a.C. que tinha também uma dedicatória a Apolo feita pelo comerciante Sostratos de Aegina. Isso só atesta o quanto os contatos com o Mediterrâneo oriental e com o mundo grego foram intensos desde o início da história da cidade.

9) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! A Reserva Natural Saline di Tarquinia

Se você é apaixonado pela natureza, não deixe de conhecer a Reserva Natural Saline di Tarquinia. Aqui fica a única salina do Lazio e é uma das poucas que restam ao longo de toda a costa italiana. Com mais de 150 hectares, o local acolhe muitas espécies de aves que migram todos os anos, incluindo o flamingo rosa, a garça-pequena, a garça-real, a Gaivota, a garça-real e muitas outras espécies. Aqui você também pode avistar raposas, porco-espinho esquilos tartarugas. É o local ideal para fotógrafos e observadores de pássaros. Caso pretenda visitar o local, é necessário fazer a reserva do passeio com antecedência: você pode entrar em contato, via telefone com o Comando da Unidade Florestal, Ambiental e Agroalimentar Carabinieri pelo telefone +39 0766 864605 ou, se preferir, enviar um e-mail para [email protected] – Todas as visitas são guiadas!

10) Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio! As praias de Tarquinia

Vamos para a praia? Como já dissemos, com uma posição privilegiada, a cidade nos oferece o melhor dos dois mundos: praias e montanhas. Tarquinia nos oferece diversas alternativas para quem é apaixonado pelo mar! O trecho de praia mais extenso e bem equipado fica no Lido di Tarquinia, a apenas 10 minutos de carro do centro da cidade. É muito frequentado pelos locais e por famílias com crianças, já que é uma praia muito tranquila. Outra praia interessante é a Marina Velca, a apenas 4 quilômetros ao norte do Lido. Aqui você encontra a Pian di Spille, que é uma das praias livres mais bonitas de toda a costa.


Mapas com as atrações de Tarquinia


Assista esse vídeo e saiba: como passar pela imigração italiana sem nenhum problema? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Vamos conhecer Tarquinia, no Lazio !Para os apaixonados pela história dos etruscos, Tarquinia pode ser considerada um verdadeiro paraíso! Além de tudo, é uma das cidades mais charmosas de toda a região do Lazio e nos oferece opções incríveis de deslocamento com saída para as principais cidades perto dali.

E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!