Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença?

A cidade berço do Renascimento e capital da região da Toscana, é uma das cidades mais bonitas da Itália. Em Florença temos cinco pontos turísticos imperdíveis, e hoje vamos listar os principais especialmente para você!

0 5.434

Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença?

A Toscana é uma das regiões mais visitadas da Itália. Existem realmente muitas coisas para conhecer na Toscana, para conhecer essa região de modo completo, precisaríamos de um roteiro de pelo menos um mês, mas se você tem poucos dias, vai conseguir conhecer o melhor do melhor da Toscana. Sua capital, Florença, é uma das cidades mais artísticas do país peninsular, e é um paraíso para os amantes das artes. Então, hoje vamos conhecer os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença. Passeio ideal para quem tem pouco tempo nessa região! Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

Florença tem origens etruscas e foi governada pela poderosa família Médici do início do século XV até meados do século XVIII. A cidade abriga diversas e belíssimas catedrais de épocas e estilos bem diferentes, mas todas impressionantes. É em Florença também que ficam obras de valores inestimáveis feitas por Michelangelo, Leonardo da Vinci, Rafael, Donatello, entre outros importantes nomes. Florença, por si só, é uma cidade que encanta, mas seus pontos turísticos a torna ainda mais única e autentica. Entre os diversos monumentos, igrejas, praças e outras atrações, cinco merecem destaque e hoje vamos saber quais são eles. Gostaria de saber onde dormir em Florença? Eu aconselho: 

1) Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? GALERIA DOS OFÍCIOS

Gallerie Degli Uffizi – Galeria dos Ofícios – Talvez seja um dos pontos turísticos mais visitados de Florença. Entrar ali pode ser uma prova de fogo, é verdade, já que as filas são enormes e nos fazem esperar, mas uma vez lá dentro, passeando por seus corredores, subindo os degraus que acessam o segundo andar (são 141 degraus) e observando os afrescos no teto, tudo ficará muito melhor e você vai esquecer o mundo lá fora! Saiba mais sobre a Galeria dos Ofícios, clicando aqui!

Erguida para abrigar escritórios, um teatro e espaços absolutamente privados, aos quais somente os Grão-Duques tinham acesso, além de membros da família Medici, o início da construção deu-se em 1560, pelas mãos (mágicas!) de Giorgio Vasari, que arquitetou a Galeria para melhorar a Torre do Palazzo Vecchio.

Dicas

  • Há três portas de acesso para a Galeria e eles podem mudar a entrada sem aviso prévio, portanto, antes de entrar na fila, peça informação para saber se você está na entrada correta.
  • Outra coisa: sei que vemos as fotos da Galeria vazia, mas, evidente que não é assim, então tenha paciência! Se você notar que uma das salas está muito lotada, passe reto e volte depois para ver com calma, O.K.?!
Endereço
  • Piazzale degli Uffizi, 6 – Florença.
Horário
  • De terça a domingo, das 8h30 às 18h50. Não abre segunda.

COMPRE O BILHETE SEM FILA AGORA!!

2) Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? GALERIA DA ACADEMIA

Galleria dell’Accademia di Firenze – Galeria da Academia de Florença – A Galeria de Academia é casa de muitas obras de arte importantíssimas. É ali que fica uma das obras mais belas de todos os tempos, David, de Michelangelo. David é uma das obras mais famosas do mundo e retrata o herói bíblico com um realismo detalhista e impressionante. A magnífica escultura tem 5,17 metros de altura e, originalmente, foi encomendada pela cidade como parte de uma série de outras estátuas que retratam profetas e heróis bíblicos. Saiba mais sobre a Galeria da Academia, clicando aqui!

Palazzo della Signoria

David foi, na verdade, encomendado para ser utilizado como decoração em uma das fachadas de Santa Maria del Fiore, mas, após sua conclusão, a escultura foi levada para o Palazzo della Signoria, sede do governo de Florença e foi apresentada ao público em 8 de setembro de 1504. A imagem representa a liberdade dos civis e os olhos de David estão na direção de Roma. Em 1873 a escultura foi levada para o interior da Academia e, na Praça, foi colocada uma réplica. Além de sua atração principal, a Galeria oferece uma gama de incríveis obras de artes de vários artistas. As salas são cheias de beleza e o local é um prato cheio para os amantes da arte.

Endereço
  • Via Ricasoli, 58/60 – Florença.
Horários
  • De terça a domingo, das 8h15 às 18h50. Não abre segunda.

COMPRE O BILHETE SEM FILA AGORA!!

3) Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? CAPELAS MEDICI

Cappelee Medicee – Capelas Medici – As Capelas Medici integram uma parte do complexo monumental da Igreja de São Lorenço, que era a igreja da família enquanto eles moravam no edifício da Via Larga, que hoje é a Via Cavour. Ali fica um mausoléu pertencente à família Medici. O primeiro a ser enterrado ali, ao lado da esposa, foi Giovanni Medici, ele foi sepultado na pequena sacristia de Brunelleschi. Mais tarde, seu filho Cosimo foi enterrado em uma cripta subterrânea que fica sob o altar central e foi feita por Michelangelo e Buontalenti entre os séculos XVI e XVII.

Principais Capelas

As principais salas são a Nova Sacristia e a Capela dos Príncipes, com acesso independente, pelos fundos da Igreja de São Lourenço. O projeto para a construção do túmulo familiar é de 1520, quando Michelangelo começou a trabalhar na Nova Sacristia, a partir do plano da sacristia de Brunelleschi (que hoje é chamada de Antiga Sacristia). A estrutura foi toda finalizada em 1524 e é caracterizada pelas paredes brancas e os detalhes em pedra.

Ao entrar pela parte de trás da Igreja, nota-se que a Capela está dividida em três partes, sendo a cripta, a Capela dos Príncipes e a Nova Sacristia. Já na Capela dos Príncipes é possível observar uma grande cúpula projetada por Buontalenti, que data de 1604, mas só foi concluída totalmente no século XX. Aqui estão enterrados seis Grão-Duques dos Medici. Tudo na capela chama a atenção: as esculturas, os espaços, a paz e a beleza!

Endereço
  • Piazza di Madonna degli Aldobrandini, 6 –  Florença.
Horários
  • De terça a domingo, das 8h15 às 13h20. Não abre segunda.

COMPRE O BILHETE SEM FILA AGORA!!

4) Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? CATEDRAL S. MARIA DEL FIORE

Catedral de Santa Maria del Fiore – O Duomo da cidade é de uma beleza ímpar! A Catedral de Santa Maria del Fiore é a principal igreja de Florença e é o símbolo da cidade, sendo uma das mais famosas da Itália. Quando foi concluída, no final do século XV, chegou a ser a maior igreja do mundo, mas perdeu o posto para a Igreja de São Pedro, em Roma e para a Igreja de São Paulo, em Londres. Saiba mais sobre a Catedral de Florença, clicando aqui!

Hoje ela é a terceira maior da Europa. A construção da Sé foi ordenada por Signoria, em 1296, e terminou somente em 1436. O trabalho inicial foi confiada ao arquiteto Arnolfo di Cambio e foi interrompido diversas vezes aos longos das décadas. Quando a cúpula de Brunelleschi foi concluída, foi, finalmente, consagrada pelo Papa Eugênio IV em 24 de março de 1436. A dedicação da Igreja à Santa Maria del Fiore aconteceu em 1412.

A Catedral

A planta da catedral é composta por uma basílica de três naves soldadas a um imenso cone triplo que sustenta a imensa cúpula de Brunelleschi, que é também a maior cúpula de alvenaria já construída. Em seu interior você pode observar a maior superfície já decorada com afrescos: são 3600 m², executados entre 1572 e 1579 por Giorgio Vasari e Federico Zuccari e, apesar de todas as pinturas, é um interior bem simples se comparada a outras Catedrais do mundo.

Na base de mármore, há um terraço panorâmico com uma vista (belíssima!) para a cidade eu fica a 91 metros do chão. A fachada da catedral é em mármore policromado da idade moderna e remonta a 1887. Foi feita por Emílio de Fabris e é um importante exemplo do estilo neogótico na Itália. É de uma beleza, realmente, impressionante! Ali é possível visitar também o museu, o batistério, a cúpula, a cripta e o campanário.

Dica
  • Os horários das atrações são diferentes, mas é possível comprar um único ingresso para todas as áreas!
Endereço
  • Piazza Duomo, 17 – Florença.
Horários
  • Todos os dias. Catedral, das 10h00 às 16h30; Cúpula, das 8h30 às 19h00 ;9é obrigatório fazer reserva); Batistério, das 09h00 às 10h15 e das 11h15 às 19h30; Campanário, das 08h15 às 19h00; Cripta, das 10h00 às 17h00 e o Museu, das 09h00 às 19h00.
Atenção
  • A estrutura não abre na primeira terça feira de cada mês.

COMPRE O BILHETE SEM FILA AGORA!!

5) Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? PALAZZO PITTI

Palazzo Pitti – O Palácio Pitti foi projetado por Brunelleschi, apesar do fato nunca ter sido comprovado, não há nem mesmo documentos que afirmem que ele foi o responsável pelo projeto. Fato é que a construção deste edifício foi feita na segunda metade do século XV e foi encomendada por um comerciante, Luca Pitti, que era amigo e aliado de Cosimo de Medici. Clique qui para saber mais sobre o Palazzo Pitti!

Jardins de Boboli

Sua fachada não nos deixa imaginar todo seu esplendor interno, incluindo os magníficos Jardins de Boboli, que ficam em seu interior, em uma área a céu aberto. Eleonora de Toledo, esposa de Cosimo I de Medici, comprou o palácio e durante os 2 séculos seguintes, ele foi remodelado e expandido para então tomar a forma que conhecemos hoje. O palácio tornou-se propriedade da Casa de Savoia, em 1860, quando a Toscana se tornou uma das províncias do Reino da Itália e o rei Vittorio Emanuele II usou o Palácio Pitti como residência durante o período em que Florença era a capital da Itália.

Já em 1919, seu neto, Vittorio Emanuele III, doou o Palácio Pitti ao Estado italiano e, assim, o Palácio acabou se tornando a sede de importantes museus da cidade. Ele conta com diversas salas e as obras de arte são de um valor cultural imenso, além de serem de grande beleza e valor histórico. Clique aqui para saber mais sobre os Jardins de Boboli!

Endereço
  • Piazza de’ Pitti, 1 – Florença.
Horários
  • Galleria Palatina, Appartamenti Reali, Galleria d’Arte Moderna, Museo degli Argenti, Museo della Moda e del Costume – de terça a domingo, das 8h15 às 18h50; Giardino di Boboli, Museo delle Porcellane, Giardino Bardini – todos os dias, das 8h15 às 16h30 (em novembro, dezembro, janeiro, fevereiro). Das 8h15 às 17h30 (de março e outubro com horário de verão). Das 8h15 às 18h30 (em abril, maio, setembro, outubro e março – sem horário de verão). Das 8h15 às 19h30 (em junho, julho e agosto).

COMPRE O BILHETE SEM FILA AGORA!!


Assista esse vídeo em nosso Canal no YouTube e faça uma viagem perfeita para Itália!


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Quais são os cinco pontos turísticos imperdíveis em Florença? É difícil escolher os pontos imperdíveis de Florença. A cidade é rodeada por verdadeiras obras de arte que estão presentes em suas igrejas, construções, praças e monumentos a céu aberto, mas, se é necessário mesmo, os cinco pontos imperdíveis de Florença vão te encantar! E se mesmo assim você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem;)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!