Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone?

Um dos vinhos mais celebrados da Itália é o Amarone de Valpolicella e hoje vamos saber mais sobre essa preciosidade e saber onde podemos fazer uma degustação.

0 263

Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone?

Quando falamos do Amarone, falamos de um sabor único, incomum. O aroma de ameixas secas e cerejas se unem de uma maneira poética com notas de vegetação rasteira e cogumelos secos. Assim podemos começar a descrever o sabor do Amarone. Hoje vamos para Valpolicella, um lugar muito especial, casa desse vinho tão incrível. Vamos ao nosso post de hoje? Vamos conhecer o Amarone de Valpolicella? Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

Nossa Introdução

Uma terra mágica, pródiga e apaixonante, essa é Valpolicella. A cidade nos abraça de uma maneira carinhosa e gentil, e nos faz entender toda a generosidade na produção de um vinho tão único. A alguns quilômetros da terra de Romeu e Julieta, Verona, Valpolicella se doa aos visitantes de forma aconchegante e inesquecível, quase despretensiosa.

1) Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? VISITE A IGREJA DE SAN GIORGIO

Para conhecer a cidade podemos começar pela icônica igreja românica de San Giorgio. A Igreja Paroquial de San Giorgio de Valpolicella é um dos mais importantes exemplos da arquitetura românica da área de Verona. Fica no alto da colina da vila de San Giorgio e é acessível saindo da estrada provincial 4, que leva de Verona para Sant’Ambrogio di Valpolicella. Aqui também é feito o vinho homônimo, o Valpolicella, que é outra preciosidade dessa área.

San Giorgio Ingannapoltron vem do dialeto Veronese e significa ‘engana o preguiçoso’, já que, ao observar a cidade de longe, tudo parece um plano ‘reto’, por isso eles acreditavam que podiam acessar a Igreja de forma rápida, somente quando chegavam perto que podiam ver que era, na verdade, um  subida íngremes e com curvas bem fechadas. O atual edifício da Igreja Paroquial de San Giorgio remonta ao século VIII, mas foi construído sobre os restos de edifícios mais antigos que também ficavam ali. Interessante é o cibório, um dossel de pedras finamente esculpido com nós celtas e figuras zoomórficas e vegetais, localizado no altar oriental.

2) Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? VISITE A IGREJA DE SAN FLORIANO

Em seguida siga para a Igreja Paroquial de San Floriano, que é uma das mais belas igrejas da área. As origens da atual igreja remontam ao século XII, mas há alguns documentos que atestam que já havia outra construção ali desde o ano 905. San Floriano tem uma estrutura de três naves, com uma fachada de tufo; nas paredes da igreja se destacam os elementos lombardos. Ao lado direito da fachada fica o claustro do século XVII; ao lado esquerdo podemos observar a torre sineira.

3) Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? VISITE O PARQUE DE MOLINA E O MUSEU BOTÂNICO

Se você é fã de natureza, boa opção é o Parque das Cascatas de Molina. Molina é uma pequena e antiga aldeia de Lessinia, logo acima da vila de Fumane, uma cidade na histórica Valpolicella. A área de Molina recebeu esse nome por causa dos muitos moinhos que foram construídos no passado para aproveitar a energia hidráulica dos vários riachos da região. O parque das Cascatas de Molina, abrange uma área de cerca de 100 mil metros quadrados e nos oferece uma paisagem única! É um oásis naturalístico rico em águas puras e frescas, além de bosques, prados verdejantes e esporões rochosos. Vale também uma visita ao Museu Botânico, onde você pode admirar e aprender a reconhecer as diferentes espécies de plantas no parque.

4) Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? VISITE A PONTE DI VEJA

Em Valpolicella fica também um dos mais maravilhosos monumentos geomorfológicos da Itália: a Ponte di Veja, um arco majestoso de rochas naturais que foi formado graças à queda, nos tempos pré-históricos, da parte interna de uma grande caverna. Localizada no Parque Natural Regional de Lessinia, nas fronteiras do município de Sant’Anna d’Alfaedo, o arco está a 600 metros acima do nível do mar. É, realmente, um espetáculo natural que, reza a lenda, também inspirou Dante Alighieri na descrição do Malebol do Inferno.

5) Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? EXPERIMENTE O AMARONE

E o Amarone? Nos anos mais nobres da safra, a suavidade do vinho domina, envolvendo o paladar em uma sensação aveludada, cheia, quente e vigorosa. Você pode sentir o cheiro de frutas vermelhas maduras enfeitadas com canela e baunilha. Quanto mais envelhece, o sabor do vinho dá lugar a percepções de couro, tabaco bronzeado e café torrado, sem perder os aromas frutados de cereja e groselha preta e frutos silvestres. Pode atingir uma idade superior a 20 anos e deve ser servido a uma temperatura média entre 16 e 18 graus celsius.

Harmonização

Antes de servir, é aconselhável decantá-lo por, pelo menos, uma hora. A harmonização ideal é com carne vermelha, ou guisado ou assada; no geral com carnes que demorem em ficar prontas. Para harmonizar com queijos, opte por queijos temperados como Taleggio, Reblochon, Murazzano e Pecorino di fossa.

Curiosidades sobre o Amarone

Você sabia que apesar de todo seu prestigio e de ser um dos vinhos mais vendidos do mundo, o Amarone nasceu por causa de um erro? Pois é… Adelino Lucchese, gerente da adega da Cantina Sociale di Negrar, produziuo  Recioto Amaro, um vinho de uvas passas bem doce, apesar de seu nome. Diz a lenda que quando Lucchese provou o conteúdo do barril, deixou fermentar mais do que o devido. Quando colocou o vinho na boca ‘reclamou’: “Mas isso não é amargo, é amarone (amarguíssimo)!”. Mas, antes de jogar a bebida fora, ele comunicou o presidente da adega, Gaetano Dall’Ora, que provou o vinho e caiu de amores. Ele decidiu engarrafar a bebida e a rotulou como Amarone Extra. Não demorou para que o vinho caísse nas graças de clientes e críticos, tornando o Amarone uma verdade obra prima toscana.

Vinícolas para Degustação do Amarone

  • Clique aqui para uma Excursão de 3 vinícolas com almoço em Valpolicella
  • Vila Mosconi Bertani – oferece a visita simples e a visita com degustação. A visita te leva para os jardins, para as plantações, para a cantina e pelo parque. O lugar é belíssimo! Vale muito a pena a visita! Precisa fazer reserva.
  • Fratelli Vogadori – com rótulos próprios, a cantina Vogadori apresenta seus vinhos de forma simples, elegante e charmosa. A visita conta com uma verdadeira aula sobre o Amarone e uma degustação bem detalhada do vinho. No site você pode escolher a visita com degustação que melhor se encaixa nas suas necessidades. Você vai adorar!
  • Neste site você encontra a lista de todas as vinícolas associadas na estrada do vinho de Valpolicella.

Onde Comer?

  • Bistro del Borgo: com uma cozinha típica, carta de vinhos excelente e atendimento ótimo, tem também uma vista incrível! Melhor fazer reserva, pois fica lotado! Onde fica: Via Case Sparse Conca D’ Oro 1 – Sant’Ambrogio di Valpolicella. Horários: aos domingos, das 12h00 às 23h00; de segunda, das 12h00 às 14h00 e das 18h30 às 0h00; de quarta a sexta, das 12h00 às 14h00 e das 18h30 às 0h00. Sábado, das 12h00 às 0h00.

Procurando uma mala especial para transportar os vinhos?

A empresa responsável por estes produtos únicos é a Lazenne e eles entregam em qualquer hotel da Europa. Inclusive você poderá pagar com cartão de crédito, e em Reais! Ficou curioso? Então clique no banner abaixo sem compromisso e conheça todos os acessórios. Você vai se encantar!

lazenne_468x60

Saiba mais sobre vinhos lendo nossos posts especiais:


Assista esse vídeo e saiba: Como planejar a sua viagem para Itália? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

Conclusão

Vamos conhecer Valpolicella e seu Amarone? Valpolicella vai te agradar e te deixar memórias únicas! O Amarone, com certeza, vai fazer você entender tudo sobre esse pedaço abençoado da Terra. E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!