Itinerário de sete dias de carro na região da Basilicata?

A Basilicata, conhecida também com o nome de Lucânia, é uma das regiões menos consideradas para viajar na Itália. Um grande erro, pois a paisagem que a caracteriza e os recursos artísticos que ela possui fazem dela uma das regiões mais interessantes de se ver.

0 1.154

VIAJANDO DE CARRO NA ITÁLIA: A BASILICATA  !

“desconhecida, mas maravilhosa!”

Olá! Partecipo da revista Mala para Dois como convidado especial, não deixe de ler o meu primeiro post Uma viagem segura, conselhos para quem vai pela primeira vez”: a Itália!!

E os posts da seção: Viagem de carro na Itália: … onde a a cada mês estarei escrevo sobre um tour de carro em uma região Itália. Gostaram da idéia? Então não deixem de me seguir!!

Leia os últimos posts:

Vamos lá?

Roteiro de sete dias de carro na região de Basilicata

A Basilicata, conhecida também com o nome de Lucânia, é uma das regiões menos consideradas para viajar na Itália. Um grande erro, pois a paisagem que a caracteriza e os recursos artísticos que ela possui fazem dela uma das regiões mais interessantes de se ver.

É uma região encantadora, de certa forma até um pouco retrógrada, mas com um charme que só ela tem, com uma personalidade única. Caracterizada pelo mar e pelas montanhas de tamanha beleza, com as praias brancas, o mar azul-turquesa, os vilarejos fincados nas rochas, parques e castelos cravados no topo das montanhas, envolto no silêncio – parece um lugar de conto de fadas.


Vamos conhecer a Basiicada?

Este slideshow necessita de JavaScript.

O que destaca mais na Basilicata é a beleza de sua natureza verdejante, exuberante, e em algumas áreas, ainda virgem. Suas cidadezinhas em cima das montanhas parecem estar em perfeita sintonia com a paisagem, tanto que a sensação é de estar vendo uma pintura.

Esta região oferece a quem a visita uma infinidade de oportunidades entre turismo, tradição e história. Seu passado tem raízes nos períodos pré-históricos e as inúmeras igrejas de pedra são testemunhas.

A culinária e o folclore são repletos de influências mediterrâneas, devido às várias invasões que esta região sofreu. Dos Gregos aos Normandos até os Aragoneses.


Faça da sua viagem para Itália uma experiência única! Conheça os meus e-books com dicas exclusivas de quem conhece o melhor da Itália!


A Basilicata é uma região montanhosa, as cidadezinhas são fincadas nas rochas, por isso é aconselhável percorrê-la de carro, assim como nós faremos em nosso roteiro. Vamos ver agora como visitar a Basilicata, o nosso itinerário será feito de carro e nós vamos visitar os lugares mais bonitos de uma região ainda pouco conhecida, caracterizada por dois mares, grandes montanhas, a paisagem da lua, vales sensacionais e a energia autêntica e genuína do povo.

Podemos partir? Vamos agora descobrir mais sobre a Basilicata.

1) Primeiro Dia Matera

Nosso roteiro começa em Matera, onde passaremos a noite. Chegada ao aeroporto de Bari de manhã cedo. Exatamente às 7:45h já estaremos no Fiat Panda alugado, em direção a Matera – que fica a só 64km de distância do aeroporto de Bari Palese.

Chegando a Matera, vamos primeiro nos acomodar no hotel que já teremos reservado previamente para dormir em um quatro dentro de um Sasso. Depois vamos seguir com a descoberta desta cidade que é o orgulho da Basilicata, uma cidade que há poucas iguais no mundo no quesito charme e magia. O coração da cidade antiga é representado pelos famosos Sassi e seus casebres, escavados na rocha vulcânica. As grutas e os degraus se misturam entre si, criando uma cidadezinha que mais parece um presépio, principalmente ao anoitecer, quando todas as luzes se acendem, formando um espetáculo que você nunca vai esquecer.

Depois vamos passear por todos os “Sassos”, começando pelo Caveoso (onde vamos nos hospedar) até o Barisano, admirando as inúmeras paisagens que se abrem entre as vielas e entrando nas principais igrejas. Dentre todas elas, aconselho a igreja de São João Batista, no Sasso Barisano, porque não passou pela influência barroca e justamente a simplicidade de sua estrutura é sua principal beleza. Já teremos visitado também a igreja de pedra de Santa Luzia das Malvas (complexo rochoso que antigamente abrigava uma comunidade monástica), bem como a igreja de Nossa Senhora do Caminho (no cume da montanha) e uma casa-gruta (com uma reconstrução feita com objetos de época).


SAIBA MAIS SOBRE MATERA


Matera é uma cidade que deve ser explorada com calma, ela é bonita em todos os momentos do dia, mas com certeza, com as luzes do pôr do sol, ganha um encanto único e muito particular. A esta hora, depois de tanto caminhar, vamos nos conceder um jantar lucano extraordinário e depois, o merecido descanso.

2) Segundo Dia
(Passeio nos arredores de Matera e à noite retorno a Matera).

Depois de termos tomado café da manhã, vamos fazer um passeio nas cidades vizinhas de Matera, começando por Miglionico e Tricarico. Depois, indo em direção às dolomitas lucanas, vamos admirar as cidades de Castelmezzano e Pietrapertosa, onde as rochas descem sobre as cidades, dando ao lugar uma vista inspiradora que conserva a estrutura original da Idade Média. As casas, com os tetos feitos de lascas de arenito, são cercadas por escadas íngremes, convidando as pessoas a subirem para o centro histórico.

Passeando pelas mansões do vilarejo, dá para ver a igreja-mãe dedicada a Nossa Senhora (do século XIII), a Capela da Virgem Maria, a igreja de pedra de Nossa Senhora da Assunção (cavada nas rochas), as ruínas da fortaleza normando-suábia e o cemitério napoleônico. Entre as duas cidadezinhas há a conhecida tirolesa chamada “voo do anjo”, em que uma corda suspensa permite ir de uma cidade a outra atingindo uma velocidade significativa. Nós, porém, vamos nos contentar a admirar os corajosos que experimentaram a aventura deste voo sem igual.

De Castelmezzano, vamos enfim para o fascinante vilarejo fantasma de Craco, o ambiente onde fica esta cidade, que não é mais habitada desde 1963, só tende a valorizá-la ainda mais – o silêncio faz todo o resto. Justamente por sua aparência fantasmagórica e seus becos abandonados, Craco foi escolhido como set de filmagem para produções cinematográficas famosas.


Se você deseja viajar para a Itália, siga o canal Viajado Para Itália no YouTube e descubra as melhores dicas para sua viagem ser inesquecível.

No final da tarde voltaremos para Matera, a tempo de dar uma volta no centro e admirar a energia e a ordem desta cidade, que foi para nós uma verdadeira descoberta. Para o jantar, vamos repetir o mesmo restaurante da noite anterior, onde comemos muito bem. Depois vamos dar uma bela dormida.

3) Terceiro Dia
(Deixaremos Matera para ir até Metaponto e Policoro, onde passaremos a noite).

Tendo deixado Matera, vamos para a Costa do mar Jônico, mais precisamente para Metaponto. Metaponto fica em um sítio arqueológico interessante e que merece uma visita, é uma cidadezinha de Matera, antiga colônia grega. Aqui tem o imperdível Museu Arqueológico Nacional de Metaponto, que conserva achados pré-históricos importantes, desde a época grega até a romana.

Finalmente vamos para Policoro, onde vamos nos acomodar. Lá vamos nos conceder uma tarde de descanso no mar. Policoro tem um porto muito bonito e peculiar e é famosa por trazer eventos culturais importantes que atraem muitos turistas e animam a cidadezinha, principalmente em alta temporada. Após um bom jantar, vamos para a cama.

4) Quarto Dia
(Deixaremos Policoro para ir até Lauria Trecchina e Maratea, onde passaremos a noite).

Tendo deixado Policoro, a primeira etapa do dia será a visita ao lindo Santuário de Nossa Senhora de Anglona, repleta de afrescos em seu interior e com um portal românico muito bonito – vale a pena dar uma paradinha lá. Depois vamos direto para o coração do Parque Nacional de Pollino, com muito verde, bem cuidado e com uma vista de tirar o fôlego. Lá os bosques são bem fechados e o atravessaremos descendo pelo Mar Tirreno de Lauria e Trecchina.

Nessa última cidade vamos subir ao Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (a 5km do vilarejo), onde a vista que se abre diante de nós é sem dúvidas extraordinária. Na verdade, lá de cima onde fica o Santuário dá para ver o mar e Pollino. De Trecchina vamos logo descer o Tirreno em direção a Maratea, uma verdadeira joia localizada entre um mar limpíssimo e enormes montanhas. Vamos subir até o Cristo Redentor, colocado no alto do monte onde, mais uma vez, tem uma vista sem igual – é possível ver todo o litoral, o gracioso porto e o vilarejo de Maratea.

À noite vamos aproveitar o clima turístico que exala nesta cidade: várias ruelas, lojinhas de artesanato e inúmeros restaurantes. Vamos parar em uma das cantinas para jantar a ótima culinária lucana. Logo depois vamos descansar.

5) Quinto Dia
(Deixaremos a sensacional Maratea para ir até Sapri, Moliterno e Potenza, onde passaremos a noite).

Tendo deixado Matera para descer de volta para Sapri e de lá até o interior. Vamos fazer uma parada em Moliterno e dar uma passada em Corleto Perticara – a rua, como sempre impraticável, passa pelas áreas arborizadas e muitas vezes aparecem vales do nada.


PASSEIOS EM GRUPO EM LÍNGUA PORTUGUESA NAS PRINCIPAIS CIDADES ITALIANAS? RESERVE AGORA CLICANDO AQUI!


No fim da tarde vamos para Potenza, onde vamos nos hospedar em um hotel com uma vista espetacular para o penhasco – Potenza é a capital da região mais alta da Itália. Implacável e elegante, talvez até um pouco caótica, Potenza tem origens pré-romanas. As praças, a Catedral de São Geraldo, as inúmeras igrejas, a famosa Via Pretoria, a Torre Guevara e os museus reúnem provas da história de Potenza. À noite vamos passear pela Via Pretoria, onde ficam as igrejas e os palácios mais antigos.

Guia Sua Viagem Para a Italia Gratuito Viajando Para Italia

Uma particularidade deste lugar que talvez muitos não saibam é que Potenza é a primeira cidade da Europa em quilômetros de escadas rolantes (e a segunda do mundo, perdendo apenas para Tóquio). Imagine que um dos inúmeros trajetos dura 15 minutos; o acesso às escadas rolantes é bem sinalizado e é possível transitar gratuitamente. Depois de ter passeado tanto, vamos parar para degustar um ótimo jantar e depois vamos dormir.

6) Sexto Dia
(De manhã vamos ficar um pouco mais em Potenza e depois vamos para Muro Lucano e para os Lagos de Monticchio, onde passaremos a noite).

Depois de outro passeio pela cidade e uma paradinha para um café com algum doce típico, seguimos em direção a Muro Lucano. A cidade é fascinante, pois fica agarrada em volta da montanha. A subida até o castelo vale a pena.

De Muro Lucano vamos para os maravilhosos lagos de Monticchio, com formação vulcânica. Foram realmente uma grande descoberta, encontramos um oásis de verde e de paz, com trilhas extraordinárias pelas florestas (vamos fazer a trilha em volta do lago menor, de cerca de 1,8km). Além disso, há vários restaurantes em volta do lago, com algumas lojinhas; também dá para andar de barco ou alugar bicicleta. Vai ser um dia cansativo, mas muito lindo. E para terminar, vamos aproveitar um ótimo jantar e depois vamos para cama.

7) Sétimo Dia
(Deixaremos este lugar paradisíaco para ir até a linda cidade de Melfi).

Esta será nossa última etapa, depois vamos para Bari para devolver o carro na locadora e vamos voltar para a realidade, mas cheios de alegria.

Depois de tomar um ótimo café da manhã, seguiremos para Melfi. Chegando à linda cidade de Melfi, vamos visitar o castelo onde fica o Museu Arqueológico. De Melfi, finalmente vamos para a cidade vizinha, Venosa, terra natal do poeta Horácio. Passaremos a noite lá.

À noite, vamos passear no gracioso centro, onde em alguns pontos dá para ler as poesias e os escritos do grande poeta Horácio. Também, a catedral e o castelo são muito bonitos. Vamos jantar no pátio interno do restaurante (onde tem uma ótima culinária lucana, regada a um bom vinho Aglianico da Basilicata). Depois vamos direto dormir.

No dia seguinte, depois de tomarmos café da manhã, vamos ao aeroporto de Bari para deixar o carro e voltar para a vida nossa de cada dia, mas com muito mais entusiasmo.

Considerações Finais

A Basilicata é muito diferente das regiões que possuem uma rica infraestrutura. Aqui vemos vários lugares com mata virgem como parques, reservas, fazendas, jardins, campinas, sítios arqueológicos nos prados e em cantos escondidos que o turista nem sabe, mas vai adorar.

Nos vemos em fevereiro com o texto sobre o Veneto!


Não deixe de ler:

Como Chegar na Itália?


Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália

Seguro Viagem Para Italia Viajando Para Italia Aluguel de Carro na Italia Viajando Para Italia Onde Ficar na Italia Viajando Para Italia
O Seguro Viagem é obrigatório e mais barato do que você imagina. Ainda mais com nosso bônus. Quer viajar pela Itália de carro mas não sabe onde alugar um? Nós temos a solução para seu problema. Garanta sua hospedagem em site confiável e renomado, sem sustos em sua viagem.

 

   Mala Levar Vinho da Italia para Brasil Viajando para Italia Consultoria Para Viagem Para Italia Viajando para Italia
Passeios em Grupo em toda a Itália e com Compra de Bilhetes antecipada economizando tempo e dinheiro. Que tal uma mala para você levar os melhores vinhos italianos para sua casa no Brasil? Conheça mais essa facilidade. A sua Viagem dos Sonhos para a Itália pede um serviço diferenciado, com excelência e dentro do seu orçamento.

Os Melhores Conteúdos do Viajando Para Itália

  1. Qual é o gasto médio em um dia na Itália?
  2. O que visitar na Itália em 10 dias?
  3. Os dez lugares imperdíveis da Toscana?
  4. As melhores dicas para economizar na sua viagem para Itália?
  5. Aeroportos da Itália? Como chegar no teu hotel? Veneza, Milão, Roma, Florença? Saiba como agora!
  6. O que fazer em 1, 2, 3 ou 4 dias nas principais cidades italianas? Conheça itinerários em cada cidade que você vai visitar!
  7. As melhores dicas sobre alimentação na Itália? Vinho? Comida típica em cada lugar?Economizar? Roteiros de enogastronomia? Descubra tudo!
  8. Viagem de carro na Itália: Exemplos de roteiros nas principais regiões italianas!
  9. Quais são os principais monumentos turísticos na Itália? Quais são os monumentos imperdíveis e que você deve colocar no teu roteiro?
  10. Qual é a melhor época para ir para Itália? O melhor período? O clima na Itália?
  11. Saiba tudo sobre o Transporte na Itália? Trem? Carro? Como se deslocar? Comprar passagem de trem? Metro?
  12. Os melhores exemplos de roteiros turísticos na Itália? Monte o seu roteiro seguindo os meus conselhos!

Grande abraço da Itália,

Ana Patricia

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

BAIXE AGORA MESMO O

E-BOOK GRÁTIS!