O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! (Módulo 1)

Dirigir na Itália é fantástico! Estradas seguras, bem conservadas, sinalização ótima, mas para alugar um carro e viajar pela Itália com tranquilidade requer algumas informações e nesse post você encontrará TODAS as informações necessárias para uma viagem de carro pela Itália tranquila.

2 8.530

O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! (Módulo 1)

Utilizar um carro na Itália é ótima opção, principalmente se você está viajando com crianças ou com pessoas que possuam dificuldade de locomoção. Outra enorme vantagem é que você faz seus horários, não precisando esperar trens, ônibus e outros. A maioria das cidades oferece estacionamentos bem localizados (centrais) e os preços variam bastante, mas não é nada absurdo, variam entre 12 e 20 Euros por dia. Uma das desvantagens é o trânsito caótico em algumas regiões e algumas restrições em determinadas áreas. Hoje vamos falar sobre isso e muito mais! Com esse guia definitivo você ficará por dentro e saberá como dirigir na Itália. Vamos responder a sua pergunta: O que eu preciso saber para dirigir na Itália? Leia também nosso Guia Definitivo sobre Dirigir na Itália Módulo 2!  Fique com a gente e faça o melhor do país da bota! Aqui no Viajando para Itália você realiza a viagem dos seus sonhos!!! Conheça também nossa Seção Hospedagens na Itália – Dicas para suas Férias!

1) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! ALUGANDO CARRO

Em primeiro lugar, vamos alugar o carro! Há quem prefira alugar ainda no Brasil, pela internet, e há quem prefira alugar “in loco”. O problema de alugar já na Itália é que pode não haver o carro que você deseja (ou o que melhor se enquadra nas suas necessidades), embora seja difícil de acontecer. Na dúvida, tente já ir com tudo organizado do Brasil. É mais seguro e quando chegar é só pegar o carro no aeroporto e seguir viagem. Você pode optar também por utilizar alguma locadora próxima as estações de trem e metrô, o que facilita o deslocamento e você ‘foge’ da “baguncinha” na saída do aeroporto.  Saiba mais em nossa seção Dirigindo na Itália! Você encontrará muitas dicas e informações para dirigir tranquilo na Itália!

Vai viajar pela Itália de carro?

Não sabe onde alugar o carro? Nós temos um parceiro que pode te ajudar: Rent Cars! Já pensou em alugar um carro na Itália, sem sair de casa ? Aqui você encontra atendimento em português, para em Real, sem cobrança de IOF e ainda poder parcelar em 12 vezes sem juros no cartão. E que tal um desconto de 5% para pagamento à vista? Gostou da ideia? Então clique no banner abaixo Pesquise, compare e escolha.

Importante Saber

Se for dirigir na Itália é imprescindível a carteira internacional ou a sua CNH do Brasil com tradução juramentada, O.K.? Se não possuir, não dirija, pois você terá muitos problemas caso seja parado pela polícia italiana! LEIA O POST PRECISO DE CARTEIRA INTERNACIONAL PARA DIRIGIR NA ITÁLIA (PID)?

2) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! VOCABULÁRIO

Veja a seguir algumas palavras bem úteis relacionadas ao aluguel de carros e que você precisa saber. Leia também nosso Post Quais são as palavras mais usadas durante uma viagem pela Itália?

  • Aluguel de carros: Autonoleggio
  • Reservas: Prenotazione
  • Estação de metrô: Stazione della metropolitana
  • Estação de ônibus: Stazione degli Autobus
  • Estação de trem: Stazione (del treno)
  • Metrô: Metropolitana
  • Partida: Partenza
  • Chegada/Destino: Arrivo/Destinazione
  • Estacionamento: Parcheggio
  • Passaporte: Passaporto

3) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! DOCUMENTOS

Quais são os documentos necessários? Para alugar um carro a locadora solicita alguns documentos que, provavelmente, serão também solicitados na hora da retirada do veículo caso você tenha feito a reserva online:

  • Passaporte;
  • Voucher da reserva, caso tenha sido efetuada online;
  • PID que é a Permissão Internacional para Dirigir (para saber mais, clique aqui!) ou sua CNH do Brasil com tradução juramentada;
  • CNH – Não é regra, mas algumas locadoras solicitam a CNH do seu país de origem. É ela que garante à locadora que você é apto a dirigir, uma vez que a PID não é emitida em italiano e pode ser falsificada. Entre o sim e o não, leve-a contigo;
  • Cartão de crédito internacional no nome do condutor com limite disponível para pagar a caução (que não será debitada, somente bloqueada) e que serve como garantia para a locadora em caso de problemas como, por exemplo, acidente ou danos no carro por mau uso. O valor bloqueado no cartão será o total da franquia do contrato + o valor do combustível + VAT / IVA (imposto local).

Importante Saber

  • Idade mínima para alugar um carro na Itália, a idade mínima é de 21 anos e, motoristas com menos de 25 anos, podem ter que pagar uma taxa extra para retirar o carro, a chamada ‘taxa de jovem condutor’.
  • Tenha cópias (fotos) de todos os seus documentos salvas no seu celular e envie-as para o seu e-mail, incluindo RG e CPF.

4) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! PEDÁGIOS

Como funcionam os pedágios na Itália? Bom, nas autoestradas há cobrança de pedágio e você retira o ticket ao entrar na rodovia e o pago ao sair dela. O custo vai depender da distância percorrida, em alguns trechos o valor pode ser fixo. Seja qual for a modalidade da autoestrada, o valor varia entre 5 e 10 Euros. Para saber mais sobre esse assunto, clique aqui e leia nosso post especial sobre pedágios.

5) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! REGRAS DE CONDUÇÃO

Velocidade e regras de condução e segurança! É importante também SEMPRE respeitar as velocidades máximas indicadas nas placas. As velocidades praticadas na Itália são as seguintes:

Velocidade

  • Em Zonas Urbanas: 50 km /h;
  • Em Rodovias secundárias: 100 km /h;
  • Em Autoestradas: 130 km/h – ATENÇÃO: em épocas de neve (no inverno), ou em épocas de chuvas intensas (primavera/outono), a velocidade nas autoestradas é reduzida para 110 km/h; em alguns trechos pode haver limites ainda mais baixos, mas são sempre sinalizados de maneira visível.
  • Na Itália, assim como no Brasil, dirige-se na faixa da direita e ultrapassa-se pela faixa da esquerda e a demarcação da linha amarela no chão (contínua / ou intercalada) tem a mesma função que tem no Brasil: pode ou não ultrapassar. NUNCA ULTRAPASSE EM LOCAL PROIBIDO e sem ter TOTAL visão da pista do outro lado. E nunca, nunca mesmo, trafegue no acostamento! Além de perigoso pode gerar uma multa altíssima!
  • Nas rodovias italianas há inúmeros radares de velocidade e, vários, NÃO SÃO SINALIZADOS! São os famosos ‘tutor’, então é melhor sempre respeitar a velocidade permitida para não ter nenhuma surpresa desagradável na hora de entregar o carro na locadora, O.K.!?
  • Na Itália há rodovias de pista dupla, tripla e de pista múltipla. Existe cerca de 650 mil km de rodovias italianas incluindo 6.661 km de autoestradas.

Segurança

  • Itens de segurança são obrigatórios em caso de emergência: é necessário o uso de um colete refletor e do triângulo em caso de acidente ou problemas com o carro. Para no acostamento, vista o colete, monte o triângulo, ligue o pisca alerta e, após ter ligado para o socorro, aguarde. Sabendo da existência desses itens, ao pegar o carro alugado, verifique se eles estão presentes no porta mala. Se não estiverem: solicite na hora! Não viaje sem esses itens básicos de segurança. Não pare no acostamento sem necessidade!
  • É obrigatório o uso de farol baixo em todas as autoestradas com duas pistas. Não usar os faróis também dá multa!
  • A buzina só deve ser usada em caso de emergência! Embora em algumas cidades como Roma e Nápoles, os italianos pensem que buzinar vai ‘helicopterizar’ os carros na frente dele parados nos transito! Não vai e é irritante, mas eles estão ‘em casa’, então: deixe-os buzinar! Como você é ‘visita’: evite usá-la sem necessidade!
  • Cintos de segurança, para o condutor e todos os passageiros (inclusive no banco de trás), e assentos para crianças são itens obrigatórios. É necessário informar a locadora caso você tenha necessidade de utilizar assentos para crianças informando a idade da criança, ok?!

Atenção

  • Ônibus e bondes-elétricos têm prioridade de passagem, sempre! Assim como pedestres. Em várias cidades, principalmente nas menores, NÃO HÁ SEMÁFORO, portanto se vir um pedestre na calçada querendo atravessar ou se houver a placa azul indicando que ali é travessia de pedestres, pare e dê a preferência!
  • Nas autoestradas de 3 pistas, a pista da direita funciona do mesmo jeito que funcionam no Brasil: é reservada para veículos com baixa velocidade e caminhões (nas rodovias onde o tráfego é permitido). É também onde ficam os acessos às saídas para as cidades. Então, quando puder, mantenha-se à direita.
  • Em cruzamentos e rotatórias, veículos que se aproximam pela direita tem prioridade de passagem.
  • O limite de álcool permitido pela lei italiana é de 0,05%, mas, sugestão de amiga: se estiver dirigindo, NÃO BEBA! Em hipótese alguma!

Número da Emergência para Turistas

Outro tópico de suma importância: saber o que fazer em caso de emergência! Esperamos que não aconteça, evidente, mas é necessário saber como agir em caso de acidente, por exemplo, portanto anote e leve sempre com você o número para emergências destinado unicamente aos turistas: 800.116.800.

Se algo acontecer ligue para esse número, informe a polícia e em seguida ligue para a locadora, informando o ocorrido. Fotografe o seu carro, a placa, se houver outros veículos envolvidos tire fotos da placa do carro deles e troque informações com os envolvidos (telefone, nome completo, número do documento). Caso haja vítimas, ligue imediatamente para uma ambulância no número 118. Se houver fogo no local do acidente, acione os bombeiros ligando para o número 115.

6) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! SEGURO DO CARRO

Importante: o seguro do carro da locadora, normalmente, inclui seguro contra danos de colisão (CDW) e proteção contra roubo do veículo (TP). INFORME-SE antes de pegar o carro para saber sobre coberturas extras como, por exemplo, incêndio e desastres naturais. O seguro básico limita a responsabilidade do cliente em caso de danos acidentais ou roubo a uma franquia, ou seja, se acontecer algo com o veículo uma parte dos danos é coberta pelo seguro e a outra quem paga é você. Pergunte qual é a franquia antes de assinar o contrato!

7) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! POSTOS DE COMBUSTÍVEIS

Os Postos de combustíveis nas principais cidades funcionam das 07h00 às 12h00 e das 15h00 às 19h00, mas como muitos deles utilizam o sistema ‘fai da te’ (autosserviço), é possível encontrar postos que funcionem 24 horas por dia, principalmente os das autoestradas. DICA: nunca viaje com o tanque pela metade. Encha antes de partir para seu destino, é mais seguro.

8) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! GPS

O GPS é outro assunto importante para citarmos. As locadoras, normalmente, não incluem o aparelho no aluguel do carro e alugar um GPS pode custar entre 15 e 20 Euros POR DIA! Como a Itália possui algumas cidades com o mesmo nome, mas em regiões diferentes, antes de viajar compre um mapa das estradas italianas (vendem em bancas, chamadas Tabbachino). Ou utilize um mapa off-line no celular. E tome cuidado e preste MUITA atenção porque o GPS, muitas vezes, te manda para uma ZTL (saiba mais clicando aqui) ou alguma rua de mão única, por exemplo. Então, fique atento! Na dúvida, não entre onde ele está mandando!

Mas como saber em que tipo de rodovia estou?

Pois bem: uma rodovia de três pistas de rolamento é chamada ‘autoestrada’ e é sujeita à cobrança de pedágio. As autoestradas são designadas com um A na frente de um número, por exemplo, a A1, que é a principal autoestrada entre Milão e Roma, e as placas que as indicam são verdes. As SS são estradas estatais, também vem acompanhadas de um número.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

A seguir relacionamos algumas informações importantes para você seguir quando estiver dirigindo na Itália.

Cuidado nas Autoestradas

Na autoestrada nunca vá pela esquerda, use essa faixa somente para ultrapassagens. Opte sempre pela pista do meio ou pela pista da direita. E como já dissemos: é obrigatório trafegar com os faróis acessos, inclusive durante o dia! Evite uma multa desnecessária. No sul da Itália, principalmente, NÃO pare para ajudar pessoas em autoestradas ou em rodovias: é um meio de assaltar turistas. E NUNCA DÊ CARONA! NUNCA, EM NENHUMA HIPÓTESE!

Como já dissemos o limite de velocidade nas autoestradas, normalmente, é de 130 km/h, mas em alguns trechos a velocidade máxima pode ser de 110 km/h e, em trechos mais perigosos como muitas curvas, por exemplo, a velocidade pode chegar a, no máximo, 60 km/h. Há casos também, quando há obras na pista, em que a velocidade máxima será reduzida, mas serão dados avisos antes, durante e após o trecho informando a velocidade máxima permitida ali, portanto preste atenção na sinalização.

Velocidade

Gente: se você avistar uma Ferrari, uma Mercedes, uma BMW ou outro carro potente se aproximando atrás de você, ou ainda, se você vir um Fiat Uno ‘mais rápido do que deveria estar’: vá para a direita e deixe-os passar. Os italianos ADORAM (pezinho de chumbo!) correr (mesmo!) e correm até com carros que podem desmontar a qualquer momento, tipo um Uno, já que é um carro feito para ir a, no máximo, 90 km/h, mas eles conseguem chegar até 120 fácil, fácil hahahaha! A velocidade está no sangue italiano, eles já conhecem as estradas, muitos não estão nem ai para as multas, então: deixe-os! Aaahh: e não se ofenda, tá bom?! Eles são assim! Ignore!

Radares Italianos

Além do ‘tutor’, há também os Autovelox (versão mais ‘moderninha’ dos radares italianos! Hahaha). A diferença é que o Autovelox é sinalizado (o tutor não tem essa obrigatoriedade de ser sinalizado) então é bom respeitar a velocidade porque nunca temos certeza onde haverá um radar. O Autovelox está sinalizado com a informação: ‘polizia stradale, controllo elettronico della velocità’ (polícia rodoviária: controle eletrônico de velocidade). Como o sistema rodoviário é todinho interligado, se a câmera de qualquer radar tirar uma foto do seu carro, ela vai direto para a central que vai ter informações sobre você e, pasme, sobre seu cartão de crédito: sim! Eles têm acesso a toda a movimentação de carros alugados no país INTEIRO: sabem quem alugou, de onde saiu, o número do seu cartão, então não dá pra brincar, não é?!

Multas na Itália

Por falar em multa a Itália já usa, há muito tempo, o sistema que está chegando a cidades brasileiras só agora: o sistema que calcula a sua MÉDIA de velocidade entre trechos com velocidade máxima. Como funciona? Em alguns trechos da autoestrada há uma câmera que tira uma foto da sua placa quando você passa no ‘primeiro ponto’.

Quando você chega ao próximo radar, outra foto é tirada e, pela distância e tempo percorrido entre as duas câmeras, é calculada a sua velocidade média, ou seja: não adianta correr onde ‘não tem autovelox’, porque a multa vai chegar do mesmo jeito, já que caso você ultrapasse a velocidade permitida, vai chegar ‘antes’ à próxima câmera. Espertos, não?! E o sistema funciona muito bem, impossível burlar! O que acontece se eu não pagar a multa?

Máquinas de Pedágios

Nem todas as máquinas de pedágio aceitam cartão de crédito, então sempre ande com dinheiro trocado no bolso. Caso não tenha como pagar no instante, pode pagar depois, mas não deixe de pagar, hein?! Para saber mais, leia nosso post especial sobre pedágios clicando aqui!

Paradas para Descanso

Ao longo das autoestradas há várias paradas para descanso: grandes áreas onde ficam postos de gasolina, bares, restaurante e os famosos Autogrill – que combina loja de conveniência, banheiro, etc. Uma dica é nunca abrir o porta mala nesses lugares, não são dos lugares mais seguros do mundo, então quanto mais discreta for sua movimentação parado nesses locais, melhor!

Ali também é bem comum encontrar pessoas que vão insistir em lavar o para-brisa do carro mesmo que você não peça, se isso acontecer, não precisa fazer drama, escândalo, dizer que você não pediu nem nada: dê um euro ou dois para o ‘autor da obra’, agradeça e saia andando.

Estamos quase acabando nossa matéria…
Não esqueça de deixar sua dúvida ou opinião na parte dos comentários do Blog.

Fluxo de Carros na Itália

Os horários de pico nas principais cidades vão das 06h30 às 09h00 e das 17h00 às 19h30. Evite a todo custo circular de carro, principalmente, nas grandes áreas metropolitanas (cidades grandes!). É super estressante, demorado e barulhento! Domingo é um bom dia para dirigir na autoestrada, porque os caminhões não podem rodar!

Durante o verão é bom evitar viajar de carro a todo custo em alguns dias e horários específicos: sexta-feira à noite, sábado de manhã, domingo à tarde e segunda de manhã. Têm locais em que fica tudo travado! Imagina a dor de cabeça! Então, evite! Os italianos adoram passear nos finais de semana, o que significa que muitos saem da cidade e, com isso, as cidades ficam bem vazias entre a manhã do sábado e a tarde do domingo. No verão, claro, as estradas para o litoral e aquelas ao redor dos lagos do norte tornam-se muito congestionadas, especialmente no fim de semana, então evite se possível!

Dirigindo na Neve

Nas regiões com estações de esqui, é preciso pedir para a locadora do carro os pneus especiais para a neve e pedir para que eles deixem as correntes para os pneus no porta mala. Para saber mais sobre como dirigir na neve, leia nosso post dedicado a esse assunto clicando aqui! Vale lembrar que é difícil dirigir na neve até para quem está habituado, portanto é necessário analisar bem se vale a pena ou não se aventurar, pois pode ser bem perigoso; a camada fina de gelo pode fazer o carro derrapar.

Outro ponto a ser considerado é que algumas estradas ficam fechadas por causa da neve, então, muitas vezes, é necessário fazer um caminho bem maior para chegar com segurança ao seu destino final. Faça! Não queira ‘economizar’ tempo; é sua segurança que está em jogo, portanto cumpra as orientações. Na recepção do hotel é possível pedir informações sobre as condições das estradas antes de sair. É possível também que a defesa civil emita algum alerta e, pode acontecer (embora seja raríssimo!), de eles proibirem totalmente o trafego de veículos, novamente, siga as orientações!

Estradas nas Cidades  Antigas

Nas cidades antigas as estradas podem ter milhares de anos e, muitas vezes, foi concebida somente para a passagem de um cavalo ou, no máximo, de uma carroça, ou seja: são estradinhas bem tortuosas para se passar de carro então as evite! Até porque são estradas que não permitem manobras, não oferecem estacionamento e parar ali, nem pensar. Então, para visitar centros históricos, vá a pé ou chame um táxi.

GANHE UM GUIA DE VIAGEM PARA A ITÁLIA!

Clique no botão abaixo e baixe sua cópia gratuita do Guia "Sua Viagem para a Itália".

BAIXAR MINHA CÓPIA DO GUIA!


Conheça nossos outros Guias de Viagem

Ver lista completa

9) O que eu preciso saber para dirigir na Itália? O guia definitivo! ESTACIONAMENTO

Onde estacionar na Itália? A Itália divide bem seus estacionamentos nas ruas. Se você vir uma placa indicando ZCS, ZTL ou qualquer outra placa de restrição: NÃO PARE NEM POR CINCO MINUTOS! DÁ MULTA! A polícia italiana é bem rígida e você pode argumentar com o seu melhor italiano: eles irão te ouvir, balançar a cabeça e dizer ‘OK, aqui está sua multa, por favor, retire o veículo!’. Leia também Onde estacionar nas principais cidades Medievais? e Onde estacionar em Florença?

ZCS – Zona a Sosta Controllata

Podem ser facilmente encontradas em centros históricos. Muita atenção para as placas: estacionar aqui é multa na certa. Passe direto!

ZTL – Zona di Traffico Limitato

Compreende uma área dentro de algumas cidades onde o trânsito só é permitido aos moradores, meios de transporte público, táxis, a quem trabalha na área ou aos veículos autorizados (caminhões de entregas, por exemplo). Visitantes devem estacionar os carros nas imediações e ir a pé ou de ônibus para essas zonas.

Na Area Pedonale (área para pedestres)

A regra é a mesma. São muito frequentes nos centros históricos e em cidades pequenas. É preciso uma licença especial para dirigir numa ZTL e alguns hotéis centrais, oferecem essa facilidade aos hóspedes cedendo um cartão para colocar no carro. Verifique com o seu hotel e tenha certeza de que o hotel já tenha informado a placa do carro para a polícia local. Para saber mais sobre as ZTL, clique aqui.

Linhas (vagas demarcadas) em azul

Estacionamento público autorizado para todos COM PAGAMENTO de parquímetro. Pague utilizando as máquinas disponíveis perto da vaga e coloque seu bilhete no painel do veículo de modo visível.

Linha (vagas demarcadas) em amarelo

Estacionamento reservado para veículos públicos ou pessoas com necessidades especiais que possuam o cartão europeu de deficiente. O cartão brasileiro, tanto de deficiente quanto de idosos, NÃO VALE NA ITÁLIA! Não utilize essas vagas, dá multa! Para maiores informações sobre o assunto, clique aqui!

Linha (vagas demarcadas) em branco

Estacionamento gratuito, mas, SOMENTE para residentes. São carros que possuem cadastro e autorização para estacionarem ali: NÃO USE ESSAS VAGAS, você corre o risco de ter o carro guinchado!

Estacionamentos Privados

As cidades oferecem boas opções de estacionamentos privados. Nas ruas italianas não existem os famosos flanelinhas, que cobram o estacionamento e indicam vagas; aliás, encontrar uma vaga na rua é uma missão quase impossível. Nas linhas azuis, o estacionamento é pago através de uma máquina chamada Parquímetro, de cor azul e fácil de localizar. Eles são identificados com uma placa azul e com a letra ‘P’. Depois de pagar o valor, coloque o recibo dentro do carro, no para-brisa, como dito anteriormente.

Dica Importante

  • Não economize na hora de ‘alimentar’ o parquímetro! Mesmo que você pague a mais do que vai ficar, é melhor não arriscar ou ter que fazer o passeio com pressa.
  • É importante também conhecer as placas principais, por mais que se pareçam muito com as nossas, algumas delas podem ser novas, portanto se familiarize antes de viajar! Você pode saber mais clicando aqui!

Assista esse vídeo e saiba: Como não pegar multa na Itália? Se inscreva em nosso canal e receba mais vídeos com informações e dicas sobre a Itália. Não se esqueça de deixar aquele Like;)


Conclusão

Embora sejam muitas informações, é só respeitar as regras, dirigir com cuidado e aproveitar a Itália de carro! Vai ser inesquecível! E se você se sentir inseguro ou não tem tempo, e precisa de ajuda para organizar sua viagem, não hesite em me procurar ! Vou adorar ajudar você a realizar sua tão sonhada viagem para a Itália. E como posso fazer isso? Continue lendo esse post até o fim e você entenderá como facilitamos a sua vida e a sua viagem:)

O meu post te ajudou? Se sim, não deixe de colocar o seu comentário abaixo, mas se ainda tem dúvida basta deixar o teu comentário abaixo que te respondo, O.K.?



Uma Ajuda Extra para sua Viagem para a Itália



Os melhores conteúdos do Viajando para a Itália!